Maurizio Brambatti/EFE
Maurizio Brambatti/EFE

De virada, Rafael Nadal elimina Andy Murray e vai à semifinal em Roma

Espanhol perdeu primeiro set por 6/1, mas conseguiu fechar as parciais seguintes por 6/3 e 7/5

AE, Agência Estado

16 de maio de 2014 | 19h17

ROMA - Depois de um começo vacilante, Rafael Nadal conseguiu uma grande virada e derrotou o escocês Andy Murray nesta sexta-feira, garantindo vaga na semifinal do Masters 1.000 de Roma. Agora, o tenista espanhol vai enfrentar o búlgaro Grigor Dimitrov em busca da classificação para a final - o outro finalista do torneio na Itália também sairá neste sábado, no duelo entre o sérvio Novak Djokovic e o canadense Milos Raonic.

Mesmo embalado pelo título conquistado no Masters de Madri no domingo passado, Nadal vem sofrendo para conseguir as vitórias no saibro romano. Nesta sexta-feira, não foi diferente. Ele perdeu por 6/1 no primeiro set, mas, depois de 2 horas e 40 minutos de jogo, virou sobre Murray, fechando as parciais seguintes em 6/3 e 7/5.

Dois dos melhores tenistas do mundo nos últimos anos, Nadal e Murray não se enfrentavam desde março de 2012. E, mesmo tendo comemorado seu aniversário de 27 anos no dia anterior, o escocês voltou a perder para o rival. Agora, portanto, o espanhol passou a somar 14 vitórias em 19 jogos já disputados diante do número 8 do mundo.

Líder do ranking, Nadal tentará agora confirmar o favoritismo diante de Dimitrov, atualmente o número 14 do mundo, que passou pelo alemão Tommy Haas nas quartas de final. Até hoje, o búlgaro nunca venceu o espanhol, em quatro jogos já realizados. Neste sábado, pela semifinal em Roma, eles escrevem novo capítulo dessa história.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.