Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Estadão Digital
Apenas R$99,90/ano
APENAS R$99,90/ANO APROVEITE

Del Potro arrasa Berdych e vai à final em Roterdã

De forma arrasadora, assim como já havia feito nas quartas de final, o argentino Juan Martín del Potro avançou à decisão do Torneio de Roterdã, neste sábado, ao vencer o checo Tomas Berdych por 2 sets a 0, com parciais de 6/3 e 6/1. Anteriormente, na sexta-feira, o tenista número 10 do mundo bateu o sérvio Viktor Troicki por 6/0 e 6/1 para se garantir na semifinal do ATP 500 holandês.

AE, Agência Estado

18 de fevereiro de 2012 | 12h55

Cabeça de chave número 3 da competição, Del Potro agora espera pela definição do vencedor da partida entre o suíço Roger Federer e o russo Nikolay Davydenko, que também será realizada neste sábado, para saber qual será o seu adversário na final deste domingo.

Del Potro obteve neste sábado a sua terceira vitória em quatro confrontos com Berdych, que só levou a melhor no primeiro deles, em 2008, no Torneio de Tóquio. Em seguida, o argentino bateu o checo no Masters 1.000 de Madri de 2009 e na Copa Davis do mesmo ano, antes de voltar a superar o rival em Roterdã.

No duelo deste sábado, Del Potro aproveitou duas das quatro chances que teve de quebrar o saque do tenista número 7 do mundo para encaminhar a vitória por 6/3, sendo que nesta parcial não cedeu nenhuma oportunidade de quebra ao rival.

Já no segundo set, ao converter dois break points e confirmar o seu serviço por três vezes seguidas, o argentino chegou a abrir 5 a 0, antes de Berdych finalmente confirmar o seu saque e ver o argentino sacar para liquidar o confronto em 6/1. Nesta parcial, o checo chegou a ter três oportunidades de quebra, mas não foi feliz em nenhuma delas.

No fim, Del Potro fez valer a sua soberania como sacador no duelo. Ele ganhou nada menos do que 88% dos pontos que disputou quando encaixou o seu primeiro serviço e ainda contabilizou 56% dos pontos que travou quando precisou utilizar o segundo saque.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.