Del Potro avança e vai encarar Federer em Cincinnati

Enquanto o sérvio Novak Djokovic conquistava o título em Montreal, neste domingo, no Canadá, já começava a disputa de outro torneio da série Masters 1000, em Cincinnati, nos Estados Unidos. E, na abertura da competição, o tenista argentino Juan Martin del Potro conseguiu avançar para a segunda rodada, quando enfrentará o suíço Roger Federer.

AE, Agência Estado

14 de agosto de 2011 | 20h37

Ex-número 4 do mundo - ocupa hoje o 19º lugar no ranking -, Del Potro não precisou de muito esforço para ganhar seu jogo de estreia neste domingo. Seu adversário, o italiano Andreas Seppi, desistiu da partida quando perdia o primeiro set por 4 a 1, por causa de uma lesão no pé direito. Assim, o argentino passou para a segunda rodada.

Por ser um dos principais cabeças de chave - ocupa o terceiro lugar no ranking mundial -, Federer entrou direto na segunda rodada do torneio de Cincinnati. Assim, ele vai se reencontrar agora com Del Potro, para quem perdeu na final do US Open de 2009. No total, porém, o suíço tem seis vitórias em oito jogos disputados contra o argentino.

BRASIL EM QUADRA - Nesta segunda-feira, o brasileiro Thomaz Bellucci faz sua estreia em Cincinnati. Número 36 do mundo, ele irá enfrentar o espanhol Fernando Verdasco, que ocupa o 20º lugar no ranking. O jogo está previsto para começar às 12 horas (horário de Brasília).

Será o quarto jogo entre eles no circuito mundial do tênis. Nos três confrontos anteriores do retrospecto, Verdasco venceu os dois primeiros, em Montreal (2008) e Indian Wells (2009), mas Bellucci levou a melhor no último, neste ano, em Acapulco.

"Conheço bem ele e sei que vai ser um jogo duro. Vou ter que ser sólido desde o início, sem vacilar", afirmou Bellucci. "O Verdasco tem uma boa direita e saca bem. Vou tentar deixá-lo atrás da linha para achar o ponto fraco dele", completou o brasileiro.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.