Depois de surpreender Halep na semi, Kuznetsova é campeã em Sydney

A chuva impediu a realização da programação normal do Torneio de Sydney na última quinta-feira, mas parece ter dado forças para a veterana russa Svetlana Kuznetsova. Quando seu confronto diante da favorita Simona Halep, pela semifinal, foi interrompido, ela perdia. Mas nesta sexta, ela não só virou a partida como venceu também a decisão e faturou mais um título na carreira.

Estadão Conteúdo

15 de janeiro de 2016 | 11h45

Número 25 do ranking, Kuznetsova, de 30 anos, não teve qualquer trabalho para atropelar a porto-riquenha Monica Puig na final desta sexta por 2 sets a 0, com direito a "pneu": 6/0 e 6/2. Firme no saque - acertou oito aces -, a russa não cedeu oportunidades de quebra para a 94.ª tenista do mundo e aproveitou cinco dos oito break points que teve a seu favor para conseguir o triunfo.

Diante da facilidade encontrada na final, o maior passo de Kuznetsova para o título foi mesmo dado na quinta. Ela perdia para a cabeça de chave número 1 do torneio, Halep, por 5/3 no primeiro set quando a chuva interrompeu a partida. Mas nesta sexta, a russa voltou diferente e conseguiu a difícil vitória por 2 sets a 1, com parciais de 7/6 (7/5), 4/6 e 6/3, em uma batalha de 2h44min de duração.

Este foi o 16.º título de simples da carreira de Kuznetsova, que já conquistou outros 16 em duplas. A russa deve subir no ranking depois de ter vencido em Sydney, onde também já havia sido campeã em 2008, e faturado seu primeiro título na temporada.

Apesar da derrota na decisão, Puig também deve ganhar posições no ranking. A porto-riquenha fez boa campanha em Sydney, inclusive eliminando na semifinal a cabeça de chave número 8, a suíça Belinda Bencic, em confronto que também precisou recomeçar nesta sexta pela chuva. Puig havia vencido o primeiro set por 6/0 quando Bencic precisou abandonar.

Na chave de duplas, o favoritismo das cabeças de chave número 1 foi comprovado em quadra. Principais duplistas da atualidade, a suíça Martina Hingis e a indiana Sania Mirza derrotaram as francesas Caroline Garcia e Kristina Mladenovic por 2 sets a 1, com parciais de 1/6, 7/5 e 10/5, e ficaram com o título em Sydney.

HOBART - No Torneio de Hobart, também na Austrália, a eslovaca Dominika Cibulkova, cabeça de chave número 3, foi surpreendida e caiu nas semifinais nesta sexta-feira. A 37.ª colocada do ranking perdeu para a canadense Eugenie Bouchard, 47.ª, por 2 sets a 1, com parciais de 6/1, 4/6 e 6/4, em quase duas horas de partida.

Na decisão, Bouchard terá pela frente outra cabeça de chave do torneio. Ela enfrentará neste sábado a francesa Alizé Cornet, sétima favorita, que passou nas semifinais pela sueca Johanna Larsson em dois sets. Sem maiores dificuldades, Cornet fez um duplo 6/1 diante da número 54 do mundo.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.