Dimitrov é surpreendido por alemão e Djokovic cai nas duplas de Montecarlo

Tenista búlgaro acaba eliminado logo em sua partida de estreia

O Estado de S.Paulo

19 de abril de 2017 | 16h42

O tenista búlgaro Grigor Dimitrov decepcionou nesta quarta-feira e foi eliminado do Masters 1000 de Montecarlo, disputado em quadras de saibro no Principado de Mônaco. Oitavo favorito e 11.º do ranking da ATP, ele perdeu para o alemão Jan-Lennard Struff de virada - com parciais de 4/6, 6/3 e 6/2.

Como havia entrado mais à frente na chave, Grigor Dimitrov acabou eliminado logo em sua partida de estreia. Já Jan-Lennard Struff, 58.º do mundo e que precisou disputar o qualifying, enfrentará agora o argentino Diego Schwartzman, 41.º do ranking.

Para alcançar as oitavas de final, por sua vez, Diego Schwartzman também surpreendeu outro cabeça de chave - o espanhol Roberto Bautista Agut, 12.º favorito. O argentino venceu por 2 sets a 0, com parciais de 6/3 e 7/6 (7/3). Quem avançar pode ter pela frente o espanhol Rafael Nadal, que encara o alemão Alexander Zverev.

Ainda nesta quarta-feira, pela chave de duplas, o sérvio Novak Djokovic decepcionou ao lado de seu compatriota Viktor Troicki e perdeu para os principais favoritos, o finlandês Henri Kontinen e o australiano John Peers, por 6/3 e 6/4.

O vice-líder do ranking, contudo, segue vivo na chave de simples e desafia o espanhol Pablo Carreno Busta pelas oitavas de final, em partida que deve ser disputada nesta quinta-feira.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.