Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Estadão Digital
Apenas R$99,90/ano
APENAS R$99,90/ANO APROVEITE

Djokovic arrasa Murray e vai à 2.ª final seguida em Masters

Passando por uma excelente fase, o sérvio Novak Djokovic, de apenas 19 anos, garantiu nesta sexta-feira a sua classificação à final do segundo Masters Series seguido na temporada ao massacrar o britânico Andy Murray, com direito a ´pneu´. O décimo cabeça-de-chave passou pelo rival nas semifinais em Miami por 2 sets a 0, com parciais de 6/1 e 6/0, com um mais de uma hora de jogo.Antes de chegar na decisão no torneio na Flórida, o escocês já havia decidido o título do Masters de Indian Wells contra o espanhol Rafael Nadal. Porém, o número dois do mundo levou a melhor ao ganhar o confronto, no dia 18 de março. Já nas quartas-de-final em Miami, realizada na última quarta-feira, Djokovic devolveu a derrota e eliminou Nadal.Esta foi a terceira partida entre Djokovic e Murray, que também tem 19 anos, pelo circuito da Associação dos Tenistas Profissionais (ATP), todos vencidos pelo croata. Antes, o 10.º tenista do ranking de entradas já havia superado o adversário nas semifinais de Indian Wells, nesta temporada, e no Masters Series de Madri (Espanha), em 2006."Foi o pior jogo que fiz desde que virei profissional. Não tem desculpas, ele foi muito melhor", comentou Murray após a eliminação.Na final do Masters de Miami, que acontecerá no domingo, Novak Djokovic, que já ganhou um título neste ano (Torneio de Adelaide) enfrentará o vencedor do confronto entre o argentino Guillermo Cañas, que veio do qualifier e eliminou Roger Federer, e o também croata Ivan Ljubicic, 7.º melhor no ranking. No único confronto entre eles, o sul-americano levou a melhor sobre o europeu justamente no Masters de Miami, em 2000.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.