Andre Pichette/ EFE
Andre Pichette/ EFE

Djokovic arrasa norte-americano e avança às quartas em Montreal

Antes do US Open, sérvio busca sétimo título da temporada

Estadão Conteúdo

13 de agosto de 2015 | 15h46

Depois de ter trabalho para despachar o brasileiro Thomaz Bellucci em sua estreia, Novak Djokovic arrasou o norte-americano Jack Sock por 2 sets a 0, com parciais de 6/2 e 6/1, nesta quinta-feira, para avançar às quartas de final do Masters 1000 de Montreal. O líder do ranking mundial precisou de 54 minutos para despachar o atual 35º colocado da ATP.

Antes desta atuação arrasadora, o tenista sérvio ficou quase duas horas em quadra para confirmar favoritismo diante de Bellucci, que jogou a disputar um tie-break com o seu adversário no segundo set. Agora, com este triunfo bem mais tranquilo, ele se credenciou para enfrentar na próxima fase o vencedor da partida entre o letão Ernests Gulbis e o norte-americano Donald Young, também programada para esta quinta.

Essa foi a primeira vez que Djokovic enfrentou Sock no circuito profissional. E o norte-americano não foi capaz de fazer frente ao forte volume de jogo do sérvio, que em Montreal busca o seu sétimo título na temporada depois de ter conquistado o Aberto da Austrália e Wimbledon, dois dos quatro Grand Slams do ano, além dos Masters 1000 de Indian Wells, Miami, Montecarlo e Roma.

No primeiro set do jogo contra Sock, Djokovic ofereceu apenas uma chance de quebra de saque ao norte-americano e converteu dois de três break points para fazer 6/2. Já na segunda parcial, desta vez sem ter o serviço ameaçado por nenhuma vez, o tenista de Belgrado voltou a aproveitar duas de três chances de quebra para fechar o jogo em 6/1.

Absoluto no duelo, Djokovic acabou vencendo 78% dos pontos que disputou quando encaixou o seu primeiro serviço, assim como ganhou 75% dos pontos que travou quando precisou utilizar o segundo saque. Assim, liquidando Sock de forma rápida, ele chegará descansado para disputar as quartas de final nesta sexta-feira.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.