Djokovic bate Monfils e volta a empatar final da Davis

O sérvio Novak Djokovic voltou a empatar o duelo na decisão da Copa Davis, disputada em Belgrado. Neste domingo, o número três do mundo superou o francês Gael Monfils por 3 sets a 0, com parciais de 6/2, 6/2 e 6/4, e igualou a série melhor-de-cinco em 2 a 2.

AE, Agência Estado

05 de dezembro de 2010 | 13h10

Com a vitória de Djokovic, a segunda dele na disputa, o confronto será definido no quinto e último jogo, de simples, ainda neste domingo. O tenista local Viktor Troicki enfrentará Michael Llodra na decisão do título. No sábado, o sérvio fora derrotado pelo francês no jogo de duplas em uma virada surpreendente, que desanimou a torcida.

Djokovic, contudo, tratou de dar novas esperanças aos seus compatriotas neste domingo. Maior jogador da equipe sérvia, ele derrotou Monfils sem maiores sobressaltos. Empurrado pela torcida, o número três do ranking cometeu menos erros (18 contra 37) e não teve problemas para abrir 2 sets a 0 na partida.

Monfils só deu maior trabalho no terceiro set. Ele esboçou uma reação ao obter uma quebra de saque no início da parcial. Djokovic respondeu rapidamente e devolveu a quebra. Mais confiante, o francês passou a arriscar mais nos pontos, o que aumentou o ritmo do jogo e lhe deu nova quebra.

O local mostrou irritação com a recuperação do rival e chegou a destruir a raquete no chão, sob vaias da torcida. Mas o momento de ira não atrapalhou seu desempenho. O sérvio devolveu novamente a quebra e igualou o placar. Na sequência, confirmou seu game e se impôs novamente no serviço do francês, assegurando a vitória em 2h14min.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.