Charles Platiau/Reuters
Charles Platiau/Reuters

Djokovic leva susto, mas bate revelação francesa no Masters 1000 de Paris

Sérvio precisa de tie-break para fechar primeiro set em vitória na estreia no torneio

AE, Agência Estado

29 de outubro de 2013 | 21h13

PARIS - O sérvio Novak Djokovic levou um susto no primeiro set, mas controlou bem o segundo e mostrou porque é o segundo melhor tenista do mundo na vitória sobre o jovem Pierre-Hughes Herbert, nesta terça-feira, em sua estreia no Masters 1000 de Paris. Djokovic passou pelo 189.º do mundo por 2 sets a 0, com parciais de 7/6 (7/3) e 6/3, em 1h33min de partida. Depois de surpreender seu compatriota Benoit Paire na estreia, o jovem francês de 22 anos chegou a incomodar Djokovic nesta terça-feira e teve um set a point a seu favor na primeira parcial, mas no tie-break o sérvio mostrou sua superioridade e venceu. A desvantagem parece ter mexido com Herbert, que pouco incomodou no segundo set.

Mesmo assim, o francês mostrou categoria em boas jogadas e levou ao delírio a torcida francesa com sua personalidade. A vitória, no entanto, ficou mesmo com Djokovic. O cabeça de chave número 2 agora terá pela frente o vencedor do duelo entre o norte-americano John Isner, 13.º favorito do torneio, e o polonês Michal Przysiezny. Ainda nesta terça, o cabeça de chave número 8, Jo-Wilfried Tsonga, foi surpreendido e caiu diante do japonês Kei Nishikori de virada, por 2 sets a 1, com parciais de 1/6, 7/6 (7/4) e 7/6 (9/7). A derrota foi ainda mais dolorosa para o francês porque tirou-lhe da disputa do ATP Finals, que será disputado em Londres, em novembro, e reúne os oito melhores tenistas da temporada.

Depois de passear no primeiro set, o francês sentiu o peso da necessidade da vitória e se desestabilizou nas duas parciais finais. Melhor para Nishikori, que superou os 15 sets disparados por Tsonga, garantiu-se nas oitavas de final e terá pela frente outro tenista da casa, Richard Gasquet. O número dez do ranking da ATP também confirmou sua classificação nesta terça-feira, e com uma vitória apertada. Cabeça de chave número nove, Gasquet precisou de três sets para passar pelo espanhol Fernando Verdasco por 2 a 1, com parciais de 7/5, 6/7 (6/8) e 6/3.

Outro cabeça de chave que confirmou sua ida às oitavas de final foi o polonês Jerzy Janowicz. Na 14.ª posição entre os favoritos, ele teve mais facilidade e passou pelo colombiano Santiago Giraldo por 2 sets a 0, com parciais de 7/6 (7/3) e 6/3. Agora, ele poderá ter pela frente o espanhol Rafael Nadal, que estreia diante de seu compatriota Marcel Granollers. Quem conheceu seu adversário nesta terça foi o suíço Roger Federer, que se garantirá no ATP Finals se vencer na estreia Kevin Anderson. O sul-africano contou com a desistência de Mikhail Youzhny no terceiro set para ir às oitavas, após perder a primeira parcial e vencer a segunda. Os outros jogos do dia, todos pela primeira rodada, garantiram as classificações de: Michal Przysiezny, Grigor Dimitrov, Nicolas Mahut, Pablo Andujar, Ivan Dodig E Marcel Granollers.

Tudo o que sabemos sobre:
tênisMasters 1000Novak Djokovic

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.