Djokovic se diz em forma para o Aberto dos EUA

O tenista número um do mundo, Novak Djokovic, declarou na segunda-feira estar em forma para o Aberto dos EUA e ávido por repetir a boa participação de 2010, quando chegou à final.

REUTERS

29 de agosto de 2011 | 19h49

Djokovic, que sofreu há apenas oito dias a sua segunda derrota no ano, ao abandonar a final do Aberto de Cincinnatti devido a dores no ombro, disse que bateu bola durante 90 minutos no domingo e não sentiu nada.

"Tenho sacado nos últimos dois dias, jogando 100 por cento, então estou preparado para o torneio", disse o sérvio de 24 anos a jornalistas. "Agora meu ombro está em condições realmente boas. Não senti nenhuma dor, não tenho nenhuma inflamação no momento."

Ele disse que o Aberto dos EUA do ano passado - quando ele passou por Roger Federer na semifinal e fez uma eletrizante final contra Rafael Nadal - lhe deu confiança para a atual temporada, quando ele já acumula 57 vitórias.

O cabeça-de-chave desse torneio, último Grand Slam do ano, estreia na terça-feira contra o irlandês Conor Niland.

(Por Larry Fine)

Tudo o que sabemos sobre:
TENISDJOKOVICEUA*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.