Djokovic supera Tsonga e vai às quartas de final em Wimbledon

Recuperado do tombo feio que levou na última sexta-feira, sérvio ganha por 3 sets a 0 em menos de duas horas de jogo

AE, Agência Estado

30 de junho de 2014 | 18h13

Recuperado do tombo feio que tomou na última sexta-feira, quando machucou o ombro esquerdo durante a vitória sobre o francês Gilles Simon, o sérvio Novak Djokovic enfrentou outro tenista da França nesta segunda-feira. Diante de Jo-Wilfried Tsonga, ele ganhou por 3 sets a 0 e avançou para as quartas de final de Wimbledon, terceiro torneio do Grand Slam na temporada, disputado em Londres, na Inglaterra.

Número 2 do mundo, Djokovic precisou de 1 hora e 52 minutos para superar Tsonga por 3 sets a 0, com parciais de 6/3, 6/4 e 7/6 (7/5). Foi a nona vitória seguida dele sobre o francês que ocupa atualmente a 17ª posição do ranking - no total do histórico do confronto, o sérvio já ganhou 13 dos 18 jogos entre os dois. Assim, segue em busca de seu segundo título de Wimbledon, para repetir o feito de 2011.

O adversário de Djokovic nas quartas de final do torneio também foi definido nesta segunda-feira, quando a chuva em Londres voltou a atrapalhar a programação dos jogos no All England Club - já tinha acontecido algo parecido no último sábado. Será o croata Marin Cilic, que eliminou outro tenista francês, Jeremy Chardy, ao ganhar a partida por 7/6 (10/8), 6/4 e 6/4.

Outro confronto das quartas de final da chave masculina do torneio foi definido nesta segunda-feira. Atual campeão de Wimbledon, o escocês Andy Murray passou pelo sul-africano Kevin Anderson, por 6/4, 6/3 e 7/6 (8/6), e vai enfrentar agora o búlgaro Grigor Dimitrov, que derrotou o argentino Leonardo Mayer também por 3 sets a 0, com parciais de 6/4, 7/6 (8/6) e 6/2.

Tudo o que sabemos sobre:
tênisWimbledonDjokovic

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.