Julian Abram Wainwright/Efe
Julian Abram Wainwright/Efe

Djokovic vê enfraquecimento do domínio de Federer e Nadal

'Acho que o tênis masculino está ficando muito interessante', afirma o tenista número três do mundo

Greg Stutchbury, Reuters

17 de janeiro de 2010 | 13h16

O número três do mundo, Novak Djokovic, acredita que o domínio de Roger Federer e Rafael Nadal no tênis masculino está lentamente se enfraquecendo.

O sérvio disse neste domingo que o aumento de competidores com chances reais de ameaçar o reinado de Federer e Nadal nos torneios do Grand Slam renovou o esporte.

"Acho que o tênis masculino está ficando muito interessante", disse Djokovic aos repórteres em Melbourne às vésperas do primeiro Grand Slam do ano, o Aberto da Austrália.

"É bom para o esporte ter um bom grupo de jogadores capazes de vencer um grande torneio", acrescentou Djokovic, um dos dois únicos tenistas além de Rafa e Federer a conquistar um dos últimos 19 títulos de Grand Slam quando venceu o Aberto da Austrália, em 2008.

"Nos últimos cinco, seis anos, o domínio de Federer e Nadal foi óbvio. Eles vêm ganhando todos os grand slams que disputam. Mas nos últimos dois anos mais ou menos as coisas estão mudando, temos mais confiança de que podemos vencer um grand slam."

Djokovic, o britânico Andy Murray, o argentino Juan Martin del Potro, que conquistou o Aberto dos EUA no ano passado, o norte-americano Andy Roddick e o russo Nikolay Davydenko representam ameaças ao suíço número um e ao espanhol número dois do ranking.

O sérvio aceitou o convite para disputar o Kooyong Classic como único torneio de aquecimento antes do evento australiano, e adotou uma abordagem mais discreta para manter o frescor.

"Considerando a quantidade de partidas que joguei no ano passado, tentei não me comprometer com quaisquer eventos e só treinar para o Aberto da Austrália, que é o torneio mais importante", disse ele.

"Eu só queria jogar algumas partidas de aquecimento antes de Melbourne. Estava concentrado em outras coisas e trabalhando duro fora da quadra."

Djokovic disse que também está procurando trazer mais variedade a seu jogo.

"Acho que melhorei na rede e na habilidade física, na força. Trouxe variedade ao jogo, alguns voleios e saques, mudei algumas coisas", disse ele.

"Posso não jogar tão bem quanto em 2008 no fundo, mas ainda tenho muita fé de que tenho um ótimo jogo."

"Sei que é um processo e que não acontece da noite para o dia, não consigo aprender todas essas coisas logo de cara. Então estou indo devagar, um passo de cada vez."

Tudo o que sabemos sobre:
ATPtênis

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.