Djokovic vence americano na estreia em Cincinnati

Novak Djokovic estreou com vitória no Masters 1000 de Cincinnati nesta quarta-feira. O sérvio chegou a ter dificuldade no início da partida contra o jovem americano Ryan Harrison, mas acabou confirmando o favoritismo com um triunfo por 2 sets a 0, com parciais de 6/2 e 6/3, em 1h16min.

AE, Agência Estado

17 de agosto de 2011 | 22h35

Embalado pelo título em Montreal, no domingo, o número 1 do mundo teve menos facilidade do que o esperado diante da promessa americana, de apenas 19 anos. Harrison não se intimidou com o retrospecto incrível do rival neste ano e faturou duas quebras de saque no primeiro set, uma delas logo no game inicial.

Harrison chegou a cravar oito bolas vencedoras, o dobro do sérvio, mas sucumbiu às próprias falhas. Ao todo, registrou 20 erros não forçados no set inicial, contra apenas 7 do líder do ranking. Djokovic soube aproveitar os vacilos do americano e fechou o primeiro set.

Mais consistente, o sérvio manteve o ritmo na segunda parcial e não deu chances ao adversário. Não teve o saque ameaçado e ainda faturou uma quebra, encaminhando a vitória, a 54ª do ano. Djokovic segue com apenas uma derrota em 2011, na semifinal de Roland Garros, para Roger Federer.

Nas oitavas de final, o número 1 terá pela frente o checo Radek Stepanek, que eliminou o casaque Andrey Golubev. Ainda nesta quarta, os espanhóis David Ferrer, quinto cabeça de chave, e Fernando Verdasco, algoz de Thomaz Bellucci, avançara, no torneio.

Já o francês Jo-Wilfried Tsonga foi surpreendido pelo americano Alex Bogomolov Jr. por 6/3 e 6/4. Richard Gasquet, também da França, foi mais feliz ao superar o sul-africano Kevin Anderson por 7/6 (7/4) e 6/4.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.