Karim Sahib/AFP
Karim Sahib/AFP

Djokovic supera Musetti em sua 1ª partida de 2022, na estreia no ATP de Dubai, após polêmica

Caminhada do sérvio seguirá na próxima fase contra o vencedor do confronto entre o russo Karen Khachanov e o australiano Alex de Minaur

Redação, Estadão Conteúdo

21 de fevereiro de 2022 | 18h45

A primeira partida de Novak Djokovic em 2022 terminou com vitória por 2 sets a 0 sobre Lorenzo Musetti. Após ficar de fora da disputa do Aberto da Austrália no último mês, Djokovic iniciou sua participação na primeira fase do ATP 500 de Dubai com uma classificação tranquila em 1h15 de partida nesta segunda-feira.

O atual número 1 do mundo no ranking da ATP comemorou muito o erro cometido por Musetti durante o match point, que garantiu a primeira vitória do sérvio no ano.

Djokovic começou a abrir vantagem na partida após uma quebra já no quarto game e abriu três de vantagem. O primeiro set foi fechado em 6 a 3. A dose se repetiu no segundo set e Djokovic conseguiu uma quebra logo no terceiro game do italiano. O sérvio manteve a vantagem e fechou o set por 6 a 3 para confirmar a vitória.

A caminhada de Djokovic seguirá na próxima fase contra o vencedor do confronto entre Karen Khachanov, da Rússia, e Alex de Minaur, da Austrália. O país de Minaur foi palco da recente polêmica de Novak Djokovic, que ficou de fora do Aberto da Austrália por não se vacinar contra a covid-19. O sérvio afirmou recentemente que não disputará competições que exijam a vacinação e pode perder alguns Grand Slams na temporada. Não é exigida a vacinação para a entrada nos Emirados Árabes Unidos.

Atual número um do mundo, Djokovic pode perder o posto para o russo Daniil Medvedev. Após a não participação no Aberto da Austrália, a diferença entre os dois caiu para 440 pontos e o russo assumirá a ponta do ranking, caso conquiste o título do ATP de Acapulco, no México.

Andy Murray também estreou em Dubai nesta segunda-feira, com uma vitória de virada sobre o australiano Christopher O’Conell, por 6/7 (7/4), 6/3 e 7/5. Filip Krajinovic, da Sérvia, Jirí Veselý, da República Tcheca, e o japonês Taro Daniel também estrearam com vitória na chave de simples nesta segunda.

POLÊMICA

Novak Djokovic tomou conta dos holofotes nas primeiras semanas do ano envolvendo o Aberto da Austrália. O número 1 do mundo recusa a se vacinar contra a covid-19 e isso faz com que suas participações em diversos Grand Slams na temporada sejam ameaçadas.

Em Dubai, Djokovic disputa seu primeiro torneio de 2022. Quando chegou ao país, na semana passada, ele foi recebido de forma calorosa nos Emirados Árabes Unidos, onde visitou uma exposição mundial na cidade de Dubai. Djokovic teve seu nome gritado por fãs e posou para "selfies" antes de iniciar a visita guiada pelo Pavilhão nacional da Sérvia na Expo 2020, que estava sediando um evento da Novak Djokovic Foundation.

Recentemente, Djokovic reforçou sua posição de não se vacinar, afirmando que não vai jogar os torneios que exijam comprovante de vacinação, o que é o caso de grandes torneios como Wimbledon, Aberto da França, Indian Wells e Aberto de Miami. O governo de Dubai não exige que os visitantes sejam vacinados para entrar, o que daria passe livre para o sérvio competir no ATP 500.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.