Ben Solomon / AFP
Ben Solomon / AFP

Duplas brasileiras vão mal e são eliminadas na segunda rodada em Wimbledon

Bruno Soares e Jamie Murray caíram para o holandês Robin Waase e o cazaque Andrey Golubev

Redação, Estadão Conteúdo

03 de julho de 2021 | 20h15

As duplas masculinas brasileiras não foram além da segunda rodada no Torneio de Wimbledon. Neste sábado, Bruno Soares e Jamie Murray decepcionaram, enquanto Thiago Monteiro e Rafael Matos caíram diante de favoritos colombianos no Grand Slam da Inglaterra.

Cabeças de chave número 7 em Wimbledon, Soares e Murray não confirmaram o favoritismo diante de dupla formada pelo holandês Robin Waase e o cazaque Andrey Golubev. Depois de ganharem o primeiro set, deram adeus precocemente ao ceder a virada sem resistência.

Num primeiro set sem breakpoints, a dupla do brasileiro levou a melhor no tiebraker, com 7/6 (3). A boa parcial parece ter marcado o auge da dupla, que caiu muito de rendimento nos sets seguintes e acabou levando virada dura e sem reação.

Com uma quebra, os adversários levaram a decisão para o terceiro set após fecharem a parcial em 6/3. No momento de decisão, os erros foram ainda maiores e Bruno Soares e Jamie Murray acabaram não impondo a força habitual da dupla. Perderam dois serviços e o jogo com 6/2.

Thiago Monteiro e Rafael Matos eram azarões diante de Robert Farah e Juan Sebástian Cabal, terceiro favoritos em Wimbledon. E acabaram superados. Depois de um tranquilo 6/2 no primeiro set, os colombianos até viram os brasileiros resistirem na parcial seguinte. Mas souberam se impor no tiebraker e fechar em 2 a 0 com 7/6 (5).

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.