Edgar Su/Reuters
Edgar Su/Reuters

Em clima de redenção, Wozniacki bate Venus e fatura Masters da WTA

Dinamarquesa faz duplo 6/4 e fatura maior troféu da carreira, ainda sem Grand Slams

Estadão Conteúdo

29 Outubro 2017 | 11h26

Em um duelo das duas "vice-campeãs" da temporada, a dinamarquesa Caroline Wozniacki fez valer a maior regularidade ao longo do ano para superar neste domingo a norte-americana Venus Williams e faturar o título do Masters da WTA. Wozniacki bateu a veterana pelo placar de 2 sets a 0, com duplo 6/4, para conquistar o maior troféu de sua carreira até agora.

+ Federer atropela Goffin e fará final contra Del Potro na Basiléia

Ex-número 1 do mundo, a tenista da Dinamarca obteve sua maior conquista porque o Masters, disputado em Cingapura neste ano, reúne as oito melhores da temporada. Só está atrás em importância dos quatro torneios do Grand Slam. E ela nunca conseguiu vencer um deles. Foi apenas vice-campeã do US Open, em 2009 e 2014.

O troféu deste domingo coroa a campanha da atleta de 27 anos. Uma das mais regulares do ano, Wozniacki disputou oito finais, mas venceu apenas duas delas. Chegou a acumular seis vice-campeonatos seguidos até brilhar em Tóquio, no mês passado, e agora em Cingapura.

Do outro lado, Venus, de 37 anos, tentava o primeiro título da temporada, após duas decepções. Neste ano, havia disputado apenas duas finais antes do Masters. Mas foram decisões de peso, no Aberto da Austrália e em Wimbledon, dois dos Grand Slams.

Como compensação, ela ganhará uma posição do ranking e passará a ocupar o quarto posto a partir de segunda-feira. Wozniacki também subirá um lugar, para o quinto. Assim como as principais tenistas do circuito, a dupla não jogará mais neste ano.

Com estes retrospectos de decepções no ano, Wozniacki e Venus entraram em quadra sob certa pressão neste domingo. Mas a dinamarquesa soube lidar melhor com a situação. Mesmo não sacando tão bem quanto à rival, ela venceu o set inicial ao faturar três quebras de saque. Venus obteve duas, porém sem intimidar a adversária.

Tanto que no segundo set Wozniacki começou atropelando. Cada vez mais confiante, ela faturou duas quebras em sequência e abriu 4/0 no placar. O título parecia muito perto. E Venus resolveu voltar para o jogo. A americana devolveu as duas quebras e jogou a pressão para o outro lado.

Mas, mais uma vez, a dinamarquesa se saiu bem. Após sacar para fechar o jogo e o campeonato por duas vezes, ela pressionou o saque de Venus e faturou nova quebra, ao converter o segundo match point, selando o título em 1h29min.

Foi a primeira vitória da dinamarquesa sobre a veterana. Até o jogo deste domingo, a americana havia vencido a rival por sete vezes.

DUPLAS

A húngara Timea Babos e a checa Andrea Hlavackova conquistaram o título do Masters da WTA nas duplas. Na final, neste domingo, elas venceram a holandesa Kiki Bertens e a sueca Johanna Larsson por 2 sets a 1, de virada, com parciais de 4/6, 6/4 e 10/5. Babos e Hlavackova já haviam se destacado no sábado, ao eliminarem as principais favoritas ao título, a suíça Martina Hingis e a taiwanesa Yung-Jan Chan. Hingis, por sinal, se aposentou de forma definitiva do circuito depois daquele jogo.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.