Arquivo/AE
Arquivo/AE

Espanha adia anúncio de sede da final da Copa Davis

Atual campeã decide o título contra a República Checa de 4 a 6 de dezembro; Federação ainda estuda local

AE, Agencia Estado

22 de setembro de 2009 | 12h10

A Espanha anunciou nesta terça-feira que a Federação Internacional de Tênis (ITF) aceitou o pedido de adiamento do anúncio da sede do confronto entre Espanha e República Checa, pela final da Copa Davis, que será disputada entre 4 e 6 de dezembro, em solo espanhol.

A RFET (Federação Espanhola de Tênis) informou que conseguiu prorrogar o prazo máximo para 8 de outubro para o anúncio da cidade que será escolhida para o duelo. "Quero agradecer à Federação Internacional de Tênis por ter aceitado nosso pedido. Essa prorrogação nos dá uma maior margem de manobra para uma eleição vital em um objetivo comum do tênis nacional e desta federação, um objetivo que não é outro que não seja ganhar a Copa Davis", afirmou José Luis Escañuela, presidente de la RFET, em comunicado.

A Federação Espanhola de Tênis ainda avisou que a sua diretoria se reunirá no próximo sábado, em San Sebastián, para decidir qual cidade será escolhida como sede da final. A Espanha garantiu sua passagem à decisão da Copa Davis ao superar Israel por 4 a 1, na melhor de cinco duelos das semifinais, em confronto entre os países encerrado no último domingo.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.