Espanhol Albert Ramos ganha duelo local e pegará Murray nas quartas em Barcelona

Vitória sobre o compatriota Roberto Bautista Agut por 2 sets a 1 dá vaga na fase seguinte do torneio ATP 500 catalão

Estadão Conteúdo

27 de abril de 2017 | 20h06

Depois de "estrear" com sucesso no Torneio de Barcelona, nesta quinta-feira, com uma vitória sobre o espanhol Feliciano López, o britânico Andy Murray conheceu o seu adversário nas quartas de final da competição de nível ATP 500 realizado na Espanha em quadras de saibro. Será o também local Albert Ramos-Viñolas, que bateu o compatriota Roberto Bautista Agut, cabeça de chave número 6, por 2 sets a 1 - com parciais de 6/2, 3/6 e 6/4.


Somente nesta quinta-feira que Andy Murray pode entrar em quadra em Barcelona. "Bye" na primeira rodada, o atual número 1 do mundo faria a sua primeira na quarta contra o australiano Bernard Tomic, mas o rival alegou dores nas costas e, assim, o britânico passou direto às oitavas de final.


Quem também venceu foi o argentino Horácio Zeballos, que ganhou do francês Benoit Paire por 2 sets a 1 - com parciais 6/4, 3/6 e 7/6 (7/3). Seu próximo rival será a surpresa russa Karen Khachanov, que mais cedo havia batido o belga David Goffin, cabeça 5 em Barcelona.


NA HUNGRIA - No ATP 250 de Budapeste, na Hungria, o principal favorito ao título estreou nesta quinta-feira. "Bye" na primeira rodada, o francês Lucas Poille entrou direto nas oitavas de final e nesta quinta-feira derrotou o checo Jiri Vesely por 2 sets a 1 - com parciais de 6/3, 4/6 e 7/6 (7/4). Seu próximo rival será o eslovaco Martin Klizan, que ganhou do norte-americano Bjorn Fratangelo por 6/3 e 6/2.


A surpresa do dia foi a eliminação do italiano Fabio Fognini, cabeça 3, para o russo Andrey Kuznetsov por 2 sets a 1 - com parciais de 6/3, 3/6 e 7/6 (7/4). Nas quartas de final, o tenista da Rússia terá pela frente outro italiano: Paolo Lorenzi, sexto pré-classificado, que ganhou do ucraniano Sergiy Stakhovsky por 6/4, 3/6 e 6/3.

Tudo o que sabemos sobre:
Tênistênis

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.