Espanhol vai à final do Brasil Open

A poderosa armada espanhola garantiu ao menos um representante na final do Brasil Open. Alberto Martin conquistou a vaga na decisão do torneio neste sábado à noite, na Costa do Sauípe, ao derrotar a surpresa da competição, o australiano Peter Luczak por 6-2 e 6-3. Este foi o melhor resultado neste ano de Martin, que chegou às semifinais de Buenos Aires, semana passada. Seu adversário na decisão do título na Bahia será o vencedor do jogo entre o brasileiro Ricardo Mello e o espanhol Rafael Nadal, que começa logo mais nesta sexta-feira.Com 26 anos e número 61 do ranking mundial, Alberto Martin é mais um dos muitos jogadores de Barcelona. Apareceu como uma grande revelação, chamado na época de Beto Martin, mas não alcançou o mesmo sucesso de outros jogadores de sua cidade como Carlos Moya, entre muitos outros. Na sua carreira conquistou apenas três títulos da série ATP Tour, ganhando Casablanca e Bucarest em 1999, e Palma de Maiorca em 2001.No Brasil Open, Martin contou também com uma certa dose de sorte para chegar tão longe. Na primeira rodada, diante de Felipo Volandri, nem sequer precisou terminar a partida, com o adversário desistindo depois de ter perdido o primeiro set. Depois venceu em dois sets, o francês Paul-Henri Mathieu, jogador que ficou afastado do circuito por mais de seis meses e só entrou direto no Brasil Open, em razão de ter ranking protegido. Fez o seu melhor jogo diante do argentino Mariano Zabaleta, ganhando em dois sets equilibrados e agora, para garantir a classificação à final, superou Luczak, tenista saído do qualifying.

Agencia Estado,

18 de fevereiro de 2005 | 19h33

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.