Estou preparado para jogar, diz Guga

Quase um mês depois de seu tropeço no Aberto da Austrália - perdeu para Julien Boutter na estréia - e de toda a polêmica sobre a necessidade ou não de passar por uma cirurgia para corrigir uma lesão na parte direita do quadril, Gustavo Kuerten embarca nesta sexta-feira para mais um desafio: vai para Buenos Aires, onde na próxima semana defende o título conquistado ano passado, da Copa At&T. Mais importante do que o bicampeonato é testar suas reais condições físicas. Disposto a acabar com tanto falatório, Guga garante estar pronto para reencontrar-se com as vitórias, no seu terreno preferido, as quadras de saibro. "Viajo preparado para disputar os próximos torneios", assegura Guga que embarca nesta sexta-feira para Buenos Aires e depois segue direto para Acapulco, no México, onde também foi campeão no ano passado. A confiança de Guga na recuperação física e na possibilidade de buscar novos títulos vem em função de seu desempenho nos últimos treinamentos realizados em Camboriu. Também animado com os resultados, o técnico do tricampeão de Roland Garros, Larri Passos, avisa: "Os últimos treinos foram nota 10", disse Passos. "Guga está bem." Antes de entrar para o verdadeiro teste em quadra, Guga empresta sua condição de ídolo, também na Argentina, para participar no domingo de uma exibição no Buenos Aires Lawn Tennis, ao lado do argentino Guillermo Cañas, do espanhol Carlos Moya e do equatoriano Nicolas Lapentti, num jogo beneficente, com renda para o ex-tenista Carlos Gattiker, de 45 anos, sofrendo com uma grave doença. No torneio, Guga só ficará conhecendo seu adversário no sábado, quando será realizado o sorteio da chave. Logo depois participa de uma entrevista coletiva no Buenos Aires Lawn Tennis.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.