EUA vencem França e enfrentarão Espanha na semifinal da Davis

Andy Roddick superou seus traumas emrelação ao francês Paul-Henri no domingo e garantiu um lugarpara os Estados Unidos em uma das semifinais da Copa Davis, aser disputada contra a Espanha. Os anfitriões eram tidos como favoritos para assegurar avitória nas quartas-de-finais em Winston-Salem contra a França,no sábado, mas uma inesperada derrota da dupla Bob e Mike Bryanadiou a comemoração para o domingo. Assim que Roddick pisou na quadra neste domingo mostrou quenão estava para brincadeira e despachou Mathieu em 97 minutosde partida. Um impiedoso 6-2, 6-3, 6-2 levou os EUA a abrir umirreversível 3 a 1 contra a França, assegurando vaga nasemifinal. "Nós ficamos um pouco desapontados depois das duplas deontem, mas Andy jogou com todo o seu coração hoje", disse ocapitão da equipe dos EUA Patrick McEnroe. A Espanha foi o único país a garantir vaga no sábado eencerrou com uma vitória por 4 a 1 a quarta-de-final contra aAlemanha, em Bremen. A performance calou críticos que dizem queos espanhóis não jogam bem fora de casa.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.