Timothy A. Clary/AFP
Timothy A. Clary/AFP

Ex-número 1 do mundo, Clijsters marca retorno ao circuito para março

Esta é a segunda vez que a atleta volta às competições profissionais em sua carreira

Redação, Estadão Conteúdo

23 de dezembro de 2019 | 15h14

Ex-número 1 do mundo, a tenista belga Kim Clijsters confirmou nesta segunda-feira que fará seu novo retorno ao circuito em março de 2020, no Torneio de Monterrey, no México. Será a segunda volta da atleta às competições profissionais em sua carreira, após se aposentar pela segunda vez, em setembro de 2012.

Em seu retorno, a tenista de 36 anos jogará na quadra dura da competição mexicana, com início no dia 2 de março. Na sequência, Clijsters deve jogar o Torneio de Indian Wells, a partir do dia 11 do mesmo mês, e o Torneio de Charleston, também nos Estados Unidos, em 6 de abril.

"Estou muito satisfeita com o meu progresso e tem sido ótimo voltar às quadras e jogar tênis novamente", disse Clijsters, que levou um susto em sua preparação para jogar no circuito novamente. Uma lesão leve no joelho direito, que não chegou a exibir procedimentos cirúrgicos, quase acabou com os seus planos. "Foi um revés, mas isso mostrou como estou determinada a voltar ao jogo que tanto amo", declarou a atleta.

Dona de quatro títulos de Grand Slam, a belga tem o direito de receber quantos convites quiser dos grandes torneios do circuito. Além disso, por ter mais de 30 anos, poderá optar ficar de fora das competições obrigatórias do calendário.

Clijsters deixou o circuito pela primeira vez em 2007, quando casou e teve o primeiro dos seus três filhos. Dois anos depois, ela voltou às competições e ganhou três títulos de Grand Slam (dois troféus do US Open e um do Aberto da Austrália). Sua nova aposentadoria aconteceu em 2012, quando se tornou comentarista de TV e atuou como treinadora de algumas jogadoras.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.