Falta de ar de Garbin coloca Hingis na final do Gold Coast

A tenista italiana Tathiana Garbin bem que tentou, mas não conseguiu superar a falta de ar provocada por uma infecção viral e teve de abandonar a partida contra a suíça Martina Hingis, ex-número um do mundo, ainda no primeiro set, quando vencia por 4 a 3.O jogo, disputado nesta sexta-feira na Austrália, foi válido pela semifinal do WTA de Gold Coast, que distribui US$ 175 mil em prêmios aos participantes. "Estou muito desapontada", contou Garbin. "Estava muito bem na partida e poderia vencer. Pena que essa infecção acabou com o meu sonho."Desta forma, Hingis, cabeça-de-chave número um do torneio, terá pela frente na final a russa Dinara Safina, cabeça dois, que precisou de três sets para derrotar a israelense Shahar Peer, de virada, com parciais de 4/6, 7/6 (7/1) e 6/1.Favoritas na final de AucklandPrincipal tenista da competição, a sérvia Jelena Jankovic nem precisou se esforçar para garantir presença na final do WTA de Auckland, na Nova Zelândia. Isso porque a sua adversária, a francesa Camille Pin, se retirou no primeiro set, quando perdia por 3 a 0, por causa de uma lesão muscular.Jelena vai disputar o título contra a russa Vera Zvonareva, cabeça cinco, que passou pela norte-americana Jill Craybas por 2 a 0, com 6/3 e 7/5. O Torneio de Auckland distribui US$ 145 mil em prêmios.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.