Daniel Karmann| AP
Daniel Karmann| AP

Favorita, Bertens cai em Linz e se complica para tentar vaga no WTA Finals

Holandesa perde para a russa Margarita Gasparyan por 2 sets a 1

Estadão Conteúdo

11 Outubro 2018 | 21h34

Uma das candidatas a ficar com uma das três vagas restantes no WTA Finals, a tenista holandesa Kiki Bertens se complicou nesta quinta-feira ao ser eliminada logo na segunda rodada do Torneio de Linz, na Áustria. A segunda cabeça de chave foi derrotada pela russa Margarita Gasparyan pelo placar de 2 sets a 1, com parciais de 7/5, 2/6 e 7/6 (7/3).

Com a derrota, a 10ª colocada do ranking perdeu a oportunidade de somar pontos preciosos na quadra dura austríaca para subir na corrida da temporada. Nesta lista, ela aparece em nono lugar. Mas somente as oito melhores vão entrar no WTA Finals, torneio que encerra a temporada, no fim do mês, em Cingapura.

Das oito vagas da competição, cinco já estão fechadas. Restam, portanto, três lugares, sendo que um deles já deve ser definido no fim de semana, com os resultados dos três torneios que estão sendo disputados no momento. Além de Linz, recebem competições as cidades chinesas de Tianjin e Hong Kong.

Algoz de Bertens, Margarita Gasparyan vai enfrentar nas quartas de final a italiana Camila Giorgi, quinta cabeça de chave. A vencedora deste confronto poderá ter pela frente a checa Barbora Strycova. A terceira pré-classificada arrasou nesta quinta a compatriota Kristyna Pliskova por 6/0 e 6/1. Na sequência, Strycova enfrentará a belga Alison Van Uytvanck.

Ainda nesta quinta, em Linz, Andrea Petkovic bateu Tatjana Maria em duelo de alemãs, pelo placar de 6/1 e 6/3. Algoz da favorita ao título, a também alemã Julia Görges, Petkovic terá pela frente nas quartas a francesa Kristina Mladenovic, que avançou na chave ao derrotar a húngara Timea Babos por 6/4, 4/6 e 7/5.

Outra a vencer nesta quinta-feira foi a russa Ekaterina Alexandrova, que superou de virada a sueca Johanna Larsson por 3/6, 6/1 e 6/1. Sua próxima adversária será a russa Anastasia Pavlyuchenkova.

 

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.