Adrees Latif/ Reuters
Adrees Latif/ Reuters

Federer derrota alemão pela 10ª vez e avança às oitavas do US Open

Após eliminar Kohlschreiber, suíço terá John Isner na próxima fase

Estadão Conteúdo

05 de setembro de 2015 | 16h37

O suíço Roger Federer voltou a mostrar seu talento para vencer o alemão Philipp Kohlschreiber por 3 sets a 0, com parciais de 6/3, 6/4 e 6/4, e garantir vaga nas oitavas de final do US Open. Cabeça de chave número 2 da competição, Federer bateu o tenista alemão pela 10ª vez na história dos confrontos entre os dois. Com o resultado, o suíço encara na próxima fase o norte-americano John Isner, que vencia o duelo contra Jiri Vesely por 2 a 0 quando o checo decidiu abandonar a partida.

Apesar de dominar a partida com tranquilidade, Federer sofreu a primeira quebra de serviço no segundo set do confronto deste sábado, após uma longa sequência sem quebras. A última vez que havia sido quebrado fora na final de Wimbledon, em 12 de julho. Mesmo com a quebra, Federer manteve o ritmo intenso que desenvolveu desde o início do duelo, quando venceu a primeira parcial por 6/3, e fez 2 a 0, confirmando a boa fase.

Na terceira parcial, Kohlschreiber não se abalou com a desvantagem. Quebrou mais uma vez o saque de Federer e comandou pela primeira vez o marcador na partida: 2/0. Mesmo assim, Federer manteve a calma e empatou o duelo. Adotou a tática de subir para a rede, que já vem sendo desenvolvida nos últimos torneios, e quebrou Kohlschreiber, arrancando a virada em 5/4. Com esta pequena vantagem, o suíço obteve um triplo match point no saque do adversário e definiu a vitória na parcial e no duelo.

GASQUET SUPERA TOMIC

Em outro duelo importante deste sábado, o francês Richard Gasquet não teve dificuldades para superar o australiano Bernard Tomic, também por 3 sets a 0, parciais de 6/4, 6/3 e 6/1. O tenista francês encara agora o checo Tomas Berdych nas oitavas de final do US Open.

Tudo o que sabemos sobre:
tênisUS OpenRoger Federer

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.