Kevin Lamarque/Reuters
Kevin Lamarque/Reuters

Federer é multado por discussão com juiz no US Open

Suíço terá que pagar US$ 1,5 mil (aproximadamente R$ 2,7 mil) por ter disparado palavrões contra o árbitro

Agencia Estado

17 de setembro de 2009 | 17h02

O tenista suíço Roger Federer foi multado nesta quinta-feira em US$ 1,5 mil (aproximadamente R$ 2,7 mil) por causa da discussão com o juiz de cadeira da final do US Open na última segunda. Federer chegou a disparar palavrões durante um bate-boca com o árbitro no terceiro set da partida, vencida pelo argentino Juan Martín Del Potro.

Veja também:

linkFederer fará maratona de jogos pela Davis

Segundo o porta-voz do Grand Slam norte-americano, Chris Widmaier, a punição a Federer foi ancorada nas multas ao austríaco Daniel Koellerer e a russa Vera Zvonareva por obscenidade audível.

Widmaier revelou também que o torneio arrecadou um total de US$ 31,5 mil em multas, incluindo os US$ 10 mil impostos a norte-americana Serena Williams pela conduta antidesportiva durante a semifinal da chave feminina, contra a belga Kim Clijsters, que se sagrou campeã no domingo.

O próximo compromisso de Federer será neste final de semana, quando defenderá a Suíça pela repescagem do Grupo Mundial da Copa Davis. O primeiro desafio será na sexta-feira, contra o italiano Simone Bolelli.

Tudo o que sabemos sobre:
tênisUS OpenRoger FedererGrand Slam

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.