David W Cerny/Reuters
David W Cerny/Reuters

Federer e Nadal jogam juntos pela 1ª vez e vencem jogo de duplas em Praga

Tenistas suíço e espanhol batem Sam Querrey e Jack Sock por 2 sets a 1, com parciais de 6/4, 1/6 e 10/5

Estadão Conteúdo

23 de setembro de 2017 | 20h39

O tênis viveu um sábado histórico. Dois dos maiores nomes da história do esporte - e também protagonistas de uma das grandes rivalidades -, Roger Federer e Rafael Nadal uniram forças neste sábado na Laver Cup, uma competição amistosa realizada em Praga, formaram dupla e venceram os norte-americanos Sam Querrey e Jack Sock por 2 sets a 1, com parciais de 6/4, 1/6 e 10/5.

O triunfo de Nadal e Federer ampliou a vantagem da equipe da Europa sobre a do Resto do Mundo na Laver Cup para 9 a 3. Mas isso foi o que menos importou no confronto que reuniu os dois primeiros colocados no ranking da ATP do mesmo lado da quadra.

Empolgado com a situação, Nadal disse ter vivido "um dia inesquecível", enquanto Federer afirmou que o encontro único foi "um prazer absoluto". "Depois de sermos adversários por tantos anos, estar na mesma parte da quadra, jogando como uma equipe é algo especial", disse o espanhol. O suíço afirmou ter gostado de "ver seu (Nadal) modo de pensar e saber que poderia realmente confiar nele nos grandes pontos".

Assim, estiveram do mesmo lado da quadra 35 títulos de Grand Slam, sendo 19 de Federer e 16 de Nadal. Mas eles reconheceram que esse tipo de encontro pode nunca mais se repetir. "Somos essencialmente jogadores de simples que jogam um pouco de duplas, e eu não acho que isso vá mudar", disse o suíço.

Em quadra, Federer e Nadal conseguiram uma quebra de saque no primeiro set, vencido por 6/4. Na segunda parcial, porém, eles sofreram, perderam o serviço em duas oportunidades e foram batidos por 6/1. No match tie-break, no entanto, asseguraram o histórico triunfo.

A Laver Cup é disputada por duas equipes - Europa e Resto do Mundo - de seis tenistas. Em cada dia, são disputados três jogos de simples e um de duplas. No primeiro deles, sexta-feira, cada triunfo valia um ponto. Neste sábado, as vitórias rendiam dois pontos cada. No domingo, cada jogo ganho renderá três pontos.

Antes do histórico jogo de duplas, outras três partidas de simples foram disputadas neste sábado, com Nadal e Federer também vencendo. O suíço e número 2 do mundo bateu Querrey (16º) por 6/4 e 6/2, enquanto o espanhol e número 1 do mundo derrotou Sock (21º) por 6/3, 3/6 e 11/9.

A única vitória do time do Resto do Mundo neste sábado foi do australiano Nick Kyrgios (20º). Ele derrotou o checo Tomas Berdych (19º) por 2 sets a 1, com parciais de 4/6, 7/6 (7/4) e 10/6.

Tudo o que sabemos sobre:
TênisRafael NadalRoger Federer

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.