Federer e Roddick sofrem, mas seguem na Austrália

O suíço Roger Federer, número um do mundo, e o norte-americano Andy Roddick, cabeça-de-chave número seis da competição, superaram nesta segunda-feira a primeira rodada do Aberto de Austrália com mais dificuldades que o previsto. Mas a grande surpresa do primeiro dia do primeiro Grand Slam de 2007 foi a eliminação do croata Ivan Ljubicic, número quatro do mundo, que perdeu para o norte-americano Mardy Fish 3 sets a 1, com parciais de 4/6, 7/6 (7/2), 6/4 e 6/4. Federer, defensor do título, teve de suar para bater o inexpressivo alemão Björn Phau. Após dar um susto em quem via a partida, quando perdia o primeiro set por 5/3, o suíço - visivelmente irritado com seus erros - faturou dez games seguidos e conseguiu acabar com o sonho no 83.º do mundo por 7/5, 6/0 e 6/4. "Tive muitos altos e baixos, mas no geral estou satisfeito com meu rendimento. Meu rival jogou muito bem e estou contente em ter podido vencê-lo em três sets quando no começo da partida tudo deu errado para mim", comentou Federer. Roddick teve ainda mais dificuldades para superar o francês Jo-Wilfried Tsonga, 212.º colocado no ranking mundial, pois perdeu um tie-break interminável (18/20) logo no primeiro set e chegou a estar perdendo o segundo por 5/2. "Nesse momento pensei que esta seria uma situação nova para ele e por isso consegui colocar pressão em seu jogo", explicou Roddick, que bateu o francês por 6/7, 7/6, 6/3 e 6/3. A resistência oferecida por Tsonga, de apenas 21 anos e ex-número um do mundo júnior (em 2003), foi incrível, já que seus resultados nos últimos dois anos n]ão vinham condizendo com o sucesso que conseguiu ainda na categoria júnior. Fora a surpresa de setembro de 2004, em que ganhou sua primeira partida do circuito ATP contra o espanhol Carlos Moyá, então número seis do mundo, o francês simplesmente desapareceu de circulação, situação causada, principalmente, por seguidas contusões. Outros resultados da chave masculina do Aberto da Austrália: Udomchoke 6 6 6 Arguello 3 3 2 Ancic 6 6 6 Soeda 4 3 2 Gicquel 3 6 6 6 6 Jones 6 7 4 1 0 Fleishman 7 4 6 6 Calleri 5 6 3 4 Volandri 4 4 2 Gasquet 6 6 6 G. Simon 3 0 2 Delic 6 6 6 Koubek 6 7 6 2 3 Arthurs 1 6 7 6 6 Spadea 6 7 6 Andreev 2 6 1 J. Vanek 7 6 1 3 Hrbaty 6 7 6 6 Mahut 6 6 6 6 Monaco 0 7 3 4 Karlovic 4 4 6 Melzer 6 6 7 Johansson 6 3 1 6 6 Chiudinelli 4 6 6 4 2 Sela 6 6 6 Srichaphan 4 2 2 Monfils 7 6 6 7 Bracciali 6 7 4 6 Bjorkman 5 4 6 6 6 Patience 7 6 0 1 2 M. Baghdatis 6 2 6 6 Schuettler 4 6 3 2 Stepanek 6 6 6 Llodra 2 4 0 Ljubicic 6 6 4 4 Fish 4 7 6 6 Acasuso 7 4 1 3 Querrey 6 6 6 6 Hernych 6 2 0 Youzhny 7 6 6 Greul 3 4 3 Lu 6 6 6 Lopez 7 4 6 7 Wilson 6 6 3 6 Serra 7 6 6 Devilder 5 2 4 Pless 5 4 3 Ferrer 7 6 6 Ramirez-Hidalgo 4 4 0 Robredo 6 6 6 Massu 1 1 0 Djokovic 6 6 6 Safin 5 7 3 6 6 Becker 7 6 6 3 4 *Atualizado às 11h50

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.