Tony Ashby/AFP
Tony Ashby/AFP

Federer perde para Zverev, mas Suíça vence Alemanha pela Copa Hopman

Recuperado de lesão, ex-número 1 do mundo levou 2 sets a 1 de Alexander Zverev

Estadão Conteúdo

04 de janeiro de 2017 | 14h18

Em seu segundo jogo no retorno às quadras após um período de seis meses afastado, Roger Federer não resistiu ao poderoso saque do jovem alemão Alexander Zverev, de 19 anos, e acabou perdendo, nesta quarta-feira, por 7/6 (7/1), 6/7 (4/7) e 7/6 (7/4), pela Copa Hopman. Ainda assim, a equipe da Suíça conquistou a sua segunda vitória pelo Grupo A do torneio disputado em Perth, na Austrália.

Federer, de 35 anos, está recém-recuperado de uma lesão no joelho esquerdo, o que o levou a cair para o 16º lugar no ranking da ATP. Ele até teve um ótimo início de jogo, chegando a abrir 5/2 no primeiro set, mas não resistiu a um oponente que teve desempenho superior aos 80% no seu primeiro serviço e acabou sendo derrotado em uma partida de três tie-breaks por um tenista de apenas 18 anos e que é o número 24 do mundo.

Mas acabou sendo uma noite (no horário australiano) de vitória para Federer e a parceira suíça Belinda Bencic (43ª). Ela venceu Andrea Petkovic (55ª) por 6/3 e 6/4 no jogo de simples. Depois, eles triunfaram no duelo de duplas mistas por 4/1 e 4/2. "Ela (Bencic) nos levou à vitória, a jogador de simples, a jogadora de duplas", disse Federer.

Também nesta quarta-feira, Kristina Mladenovic (42ª) e Richard Gasquet (18º) venceram seu jogos de simples e duplas mistas para assegurarem o segundo triunfo da França no Grupo A da Copa Hopman. Mladenovic superou Heather Watson (75ª) por 6/4, 5/7 e 6/3, enquanto Gasquet aplicou 6/4 e 6/2 em Dan Evans (66º). Depois, ganharam por duplo 4/3 o confronto de duplas. Nessas partidas, as temperaturas chegaram aos 40ºC.

Com duas vitórias cada, França e Suíça vão se enfrentar na próxima sexta-feira em duelo que valerá a liderança do Grupo A e a passagem para a decisão da Copa Hopman. No mesmo dia, o confronto Alemanha x Grã-Bretanha terá caráter meramente amistoso.

Também com dois triunfos, os Estados Unidos, com Coco Vandeweghe e Jack Sock, estão classificados antecipadamente para a final, ainda que o Grupo B tenha uma rodada a ser disputada, nesta quinta-feira. Os americanos vão pegar a Austrália e a República Checa duelará com a Espanha.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.