Federer se vinga de Cañas com vitória arrasadora em Madri

Tenista suíço faz 2 sets a 0, com direito a pneu, e avança às quartas-de-final do Masters Series

Efe,

18 de outubro de 2007 | 14h26

O suíço Roger Federer se vingou das duas derrotas para o argentino Guillermo Cañas este ano da melhor forma possível: com uma vitória de 6/0 e 6/3, pelas oitavas-de-final do Masters Series de Madri. Nesta quinta-feira, o número um do mundo esqueceu dos maus resultados contra Cañas nos Masters Series de Indian Wells e Miami, vencendo em quase uma hora de partida. A exibição de Federer nos primeiros sete games foi espetacular. Ele fechou o primeiro set sem ceder sequer um break point. Seu próximo adversário será o vencedor do jogo entre o espanhol Feliciano López e o austríaco Stefan Koubek, que jogam ainda nesta quinta-feira.  Na melhor forma Ao final do jogo, Federer afirmou estar jogando seu melhor tênis entre todas as últimas temporadas no Circuito da ATP. "Acredito que posso jogar muitas partidas seguidas até o fim da temporada. Acho que estou preparado, este ano pode ser até melhor que os outros. Descansei e estou muito bem", afirmou o suíço. O número um do mundo não quis falar sobre o desempenho de seus principais adversários: o espanhol Rafael Nadal e o sérvio Novak Djokovic. "Ainda não estou na final. Mas é bom que os três jogadores mais importantes estejam aqui, principalmente após a derrota de tantos cabeças-de-chave. Djokovic está vencendo, mas acho que anda cansado pela seqüência, enquanto Nadal joga sob a pressão de estar em casa", disse Federer. Escândalo de apostas Federer também evitou comentar o suposto escândalo de apostas no circuito. "A imprensa perguntou muito e os jogadores deram respostas diferentes. Estou decepcionado, mas acho que não há nada sobre este assunto no tênis. Se realmente há alguma coisa, vem de gente que está fora do mundo do tênis, e por isso existe o problema. É bom que a ATP e a ITF tenham se unido para tentar resolver isto", disse.

Tudo o que sabemos sobre:
Masters Series de MadriRoger Federer

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.