Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Estadão Digital
Apenas R$99,90/ano
APENAS R$99,90/ANO APROVEITE
Luis M. Alvarez/AP
Luis M. Alvarez/AP

Federer sofre, mas vence e vai às quartas em Miami; Wawrinka cai diante de Zverev

Tenista campeão em Indian Wells precisa de dois tie-breaks para vencer Roberto Bautista Agut

Estadão Conteudo

28 de março de 2017 | 21h06

Roger Federer continua imbatível. Embora com dificuldades nesta terça-feira, o tenista suíço ampliou para nove partidas a sua invencibilidade ao derrotar o espanhol Roberto Bautista Agut por 2 sets a 0, com duplo 7/6, sendo 7/5 e 7/4 nos tie-breaks, e assegurar vaga nas quartas de final do Masters 1000 de Miami.

Campeão de Masters de Indian Wells no domingo retrasado, também nos Estados Unidos, Federer assim se credenciou para enfrentar na próxima fase o checo Tomas Berdych, décimo cabeça de chave, que horas mais cedo superou o francês Adrian Mannarino por 6/3 e 7/5.

O recordista de títulos de Grand Slam ganhou dois dos três torneios que disputou neste ano, sendo que abriu a temporada conquistando o Aberto da Austrália, e não perde desde quando foi surpreendido pelo russo Evgeny Donskoy na segunda rodada do Torneio de Dubai.

Com 16 vitórias e uma derrota no ano, Federer não teve facilidade nesta terça para ampliar sua série de triunfos consecutivos. Em ótima fase, o atual sexto colocado do ranking mundial encarou um Bautista Agut inspirado, que vive também um bom momento e hoje é o 18º tenista da ATP.

Já no primeiro set, Federer teve o saque quebrado pelo espanhol, que chegou a servir para fechar a parcial em 7/5. O suíço, porém, devolveu a quebra, empatou em 6/6 e forçou a disputa do tie-break, no qual foi um pouco melhor para liquidar em 7/5 e abrir vantagem.

Na segunda parcial, Federer é que abriu as disputas quebrando o serviço do espanhol. O seu adversário, porém, também devolveu a quebra em seguida e os dois depois confirmaram todos os seus saques e provocaram um novo tie-break. E desta vez o suíço obteve dois mini breaks para fechar o confronto em 7/4.

WAWRINKA CAI

Se Federer avançou, o suíço Stan Wawrinka não conseguiu justificar a condição de cabeça de chave número 1 em jogo encerrado há pouco em Miami. Ele acabou sendo derrotado pela revelação alemã Alexander Zverev, que venceu de virada, por 2 sets a 1, com parciais de 4/6, 6/2 e 6/1, para também ir às quartas de final.

Com o triunfo, o 16º cabeça de chave do torneio norte-americano se credenciou para enfrentar na próxima fase o vencedor do confronto entre o australiano Nick Kyrgios e o belga David Goffin, previsto para fechar a programação em Miami na noite desta terça.

No jogo diante de Wawrinka, atual terceiro colocado do ranking mundial, o alemão que ocupa o 20º lugar na ATP teve o seu saque quebrado no primeiro set e viu o seu adversário confirmar todos os serviços para fazer 6/4.

A partir da segunda parcial, porém, o alemão começou a exibir uma atuação avassaladora. Além de confirmar todos os seus saques sem oferecer nenhuma chance de quebra, converteu cinco break points para aplicar os acachapantes 6/2 e 6/1 que asseguraram o triunfo de virada.

Tudo o que sabemos sobre:
TênistênisRoger Federer

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.