Marijan Murat//AP
Marijan Murat//AP

Federer vence azarão dos EUA em semifinal e buscará o seu 10º título em Halle

Caso confirme favoritismo, Líder do ranking mundial alcançará o seu 99º título de simples no circuito profissional da ATP

Estadão Conteúdo

23 Junho 2018 | 10h14

Atual campeão do Torneio de Halle, Roger Federer se garantiu neste sábado na final do ATP 500 alemão realizado em quadras de grama ao vencer o azarão norte-americano Denis Kudla, atual 109º colocado do ranking mundial, por 2 sets a 0, com parciais de 7/6 (7/1) e 7/5, neste sábado, em uma das semifinais da competição preparatória para Wimbledon.

Líder do ranking mundial, o tenista suíço buscará na decisão deste domingo o seu décimo título em Halle, onde ergueu a taça no ano passado e também triunfou em 2003, 2004, 2005, 2006, 2008, 2013, 2014 e 2015.

Caso confirme favoritismo, Federer alcançará o seu 99º título de simples no circuito profissional da ATP e chegará a Wimbledon almejando um histórico centésimo troféu. Atual campeão também do Grand Slam realizado em Londres, ele jogará para conquistar pela nona vez o tradicional evento inglês, cuja próxima edição começa no dia 2 de julho.

Na semifinal deste sábado, Federer precisou de 1h27min em quadra para confirmar o seu favoritismo. O suíço chegou a ter o seu saque quebrado por uma vez no primeiro set, mas também converteu um dos dois break points cedidos por Kudla e a disputa da parcial foi ao tie-break, no qual o número 1 do mundo foi bem superior ao fazer 7/1.

Já no segundo set, o norte-americano voltou a dar trabalho, mas não conseguiu aproveitar nenhuma das cinco chances que teve de quebrar o serviço de Federer, que confirmou o único break point cedido pelo rival para aplicar o 7/5 que liquidou o jogo.

O rival de Federer na decisão deste domingo será o croata Borna Coric, atual 34º colocado do ranking mundial, que na outra semifinal deste sábado contou com a desistência de Roberto Bautista Agut, quarto cabeça de chave e 16º tenista da ATP, por motivo de lesão, quando o espanhol vencia o primeiro set por 3/2.

Federer vem embalado pela conquista do Torneio de Stuttgart, também realizado em quadras de grama na Alemanha, e travará neste domingo o seu segundo duelo com Coric nesta temporada. O último deles foi muito equilibrado e o croata teve grande chance de eliminar o suíço na semifinal do Masters 1000 de Indian Wells. Porém, o favorito se salvou e venceu por 2 sets a 1 para avançar à decisão do torneio nos Estados Unidos.

Os dois também se enfrentaram em uma outra ocasião na semifinal do Torneio de Dubai de 2015, quando Federer arrasou o croata por 6/2 e 6/1. Um dos principais talentos da nova geração do tênis, Coric tem apenas 21 anos, enquanto Federer segue desafiando os limites do tempo ganhando títulos e figurando do topo do ranking com os seus 36 anos.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.