Federer vence e vai à final em Wimbledon

O suiço Roger Federer, número 1 do mundo, venceu nesta sexta-feira o australiano Lleyton Hewitt, por 3 sets a 0, com parciais de 6/3, 6/4 e 7/6 (7-4), em 2 horas e sete minutos, e se classificou pelo terceiro ano consecutivo para disputar a final do torneio de Wimbledon. Esta foi a oitava vitória seguida do suíço contra o rival. Federer, que completou 35 vitórias consecutivas, vai enfrentar na decisão de domingo o vencedor da outra semifinal, entre o norte-americano Andy Roddick e o sueco Thomas Johansson.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.