Bill Kostroun/Reuters
Bill Kostroun/Reuters

Federer vence norte-americano na estreia no US Open

Pentacampeão do torneio, suíço confirmou favoritismo com partida ganha por 3 sets a 0

AE, Agência Estado

28 de agosto de 2012 | 09h01

NOVA YORK - O suíço Roger Federer confirmou o seu favoritismo e estreou com uma vitória fácil no US Open. O número 1 do mundo, que já venceu cinco vezes o último Grand Slam da temporada, derrotou o norte-americano Donald Young, 81º colocado no ranking da ATP, por 3 sets a 0, com parciais de 6/3, 6/2 e 6/4, em 1 hora e 34 minutos, no duelo que encerrou a programação noturna da quadra central na segunda-feira.

Com essa vitória, Federer passa a soma 62 triunfos e sete derrotas no US Open, torneio que disputa desde 2000. Dono de cinco títulos, ele não levanta o troféu do Grand Slam nova-iorquino desde 2008. Na segunda rodada, o número 1 do mundo vai enfrentar o alemão Bjorn Phau, 83º colocado no ranking da ATP, que na noite de segunda-feira passou pelo belga Maxime Authom (6/2, 4/6, 6/4 e 7/6).

O início da partida de segunda-feira foi equilibrado. Federer conseguiu uma quebra de serviço no oitavo game e precisou apenas confirmar o seu saque em seguida para fechar o primeiro set em 6/3.

Na segunda parcial, Federer converteu um break-point no terceiro game, mas permitiu que Young quebrasse o seu saque em seguida. Depois, porém, o número 1 do mundo voltou a se impor, venceu quatro games seguidos e fechou a parcial em 6/2. No terceiro set, o suíço conseguiu uma quebra de serviço e fechou o jogo em 3 sets a 0 ao triunfar por 6/4.

OUTROS JOGOS

Thomaz Bellucci só estreia no US Open nesta terça-feira, mas já conhece seu possível adversário na segunda rodada. Caso avance diante do espanhol Pablo Andujar, o brasileiro vai encarar Feliciano Lopez, 31º colocado no ranking da ATP e cabeça de chave número 30 do torneio.

O também espanhol triunfou na primeira rodada do US Open ao superar o holandês Robin Haase, 48º colocado no ranking da ATP, por 3 sets a 0, com parciais de 6/3, 7/5 e 6/2. Diante de Belluzzi, Lopez está em vantagem de 2 a 1 no confronto direto.

O francês Gilles Simon, número 17 do mundo, avançou para a segunda rodada de Wimbledon após vencer o norte-americano Michael Russel, 107º colocado no ranking da ATP, em uma batalha de 4 horas e 26 minutos, por 3 sets a 2, com parciais de 7/6 (7/4), 3/6, 5/7, 6/4 e 6/1.

Também na noite de segunda-feira, o croata Marin Cilic venceu o australiano Marinko Matosevic (5/7, 2/6, 6/4, 6/2 e 6/4), o norte-americano Mardy Fish bateu o japonês Go Soeda (7/6, 7/6 e 6/3), o espanhol Fernando Verdasco passou pelo português Rui Machado (6/1 6/2 e 6/4), o também espanhol Feliciano Lopez derrotou o holandês Robin Haase (6/3, 7/5 e 6/2) e o francês Jeremy Chardy superou o italiano Filippo Volandri (6/3, 6/4 e 6/3).

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.