Reprodução/Facebook
Reprodução/Facebook

Federer veste camisa do Brasil para promover turnê em São Paulo

Tenista divulgou fotos de ensaio fotográfico para campanha do torneio com grandes nomes do tênis

AE, Agência Estado

27 de setembro de 2012 | 10h21

SÃO PAULO - Roger Federer já entrou no clima do torneio de exibição do qual será a principal atração, entre os próximo dias 6 e 8 de dezembro, no ginásio do Ibirapuera, em São Paulo. Para promover o evento, o tenista suíço vestiu a camisa e o uniforme completo da seleção brasileira e posou para fotos, exibidas em sua página no Facebook nesta quinta-feira.

Em uma das fotografias, ele aparece de bandana e munhequeiras amarelas e com uma bola em seu pé direito, devidamente calçado por uma chuteira em um gramado montado em um estúdio. Vestindo uma camisa que traz o número 10 no peito e nas costas, onde o seu sobrenome foi também inscrito, o líder do ranking mundial do tênis ainda estimulou os seus fãs a participarem de uma brincadeira antes da realização do evento na capital paulista.

"Se eu fosse um jogador de futebol, qual deveria ser meu apelido? Mandem grandes ideias, e eu vou escolher uma. Vamos nos divertir com isso", escreveu Federer, ao lado de uma das fotos que postou no Facebook.

Federer ainda posou para fotos com uma camisa regata improvisada da seleção brasileira de vôlei, que não é a oficial do time nacional, cujo fornecedor de uniformes não é a Nike, marca que patrocina o tenista. Usando até joelheiras, ele também perguntou aos seus fãs: "Estão prontos para um pouco de vôlei?".

O evento de exibição que será realizado em dezembro, em São Paulo, também contará com a presença de Thomaz Bellucci e algumas das principais estrelas do tênis mundial. Entre eles estão o francês Jo-Wilfried Tsonga, a russa Maria Sharapova, a dinamarquesa Caroline Wozniacki, a norte-americana Serena Williams e a bielo-russa Victoria Azarenka. Para completar, os irmãos Bob e Mike Bryan, principal dupla do tênis mundial na atualidade, abrirão a programação do evento atuando contra os brasileiros Bruno Soares e Marcelo Melo.

Logo após o duelo de duplas, Federer irá jogar pela primeira vez uma partida de tênis no Brasil em confronto diante de Thomaz Bellucci, em 6 de dezembro. No dia seguinte, o suíço ficará apenas como espectador ilustre dos jogos Sharapova x Wozniacki e Bellucci x Tsonga. E, finalmente no dia 8, a programação do evento será fechada com as partidas Serena x Azarenka e Federer x Tsonga.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.