Divulgação
Divulgação

Feijão ganha convite e será mais um brasileiro a disputar o Rio Open

Brasileiro foi um dos destaques da edição 2015 do torneio

Estadão Conteúdo

13 de janeiro de 2016 | 17h29

O Rio Open confirmou nesta quinta-feira a participação de mais um brasileiro em sua edição de 2016. Depois de se destacar na edição de 2015 do torneio, João Souza, o "Feijão", recebeu um convite para jogar a competição deste ano. Ele se junta a Thomaz Bellucci como os únicos representantes do País na chave de simples masculina.

"O Rio Open é um dos principais torneios do ano no meu calendário. Estou muito feliz com esse convite para jogar o torneio. No ano passado, o Rio Open foi um dos pontos mais altos da minha temporada e quero muito fazer outra boa apresentação, sentir novamente o gostinho de jogar bem em um torneio como esse, na minha casa, na cidade onde eu moro e treino, com o apoio de toda a torcida, e quem sabe ir até mais longe. Queria agradecer os patrocinadores e o torneio por essa oportunidade", celebrou.

Em 2015, Feijão viveu o melhor momento de sua carreira justamente neste momento do ano, após as disputas do Rio Open, do Brasil Open e do confronto diante da Argentina na Copa Davis. No Rio, o brasileiro só caiu depois de perder nas quartas para o austríaco Andreas Haider-Maurer.

"O Feijão levantou a torcida no ano passado no Rio Open com uma excelente campanha. Depois de um ano de altos e baixos, ele vem readquirindo confiança e merece essa nova chance. Ele é um tenista experiente, que tem uma conexão especial com o Rio e ao lado do Bellucci, da Teliana (Pereira) e dos duplistas vai ser uma grande atração no torneio", explicou Luiz Procopio Carvalho, diretor do torneio.

Depois do bom momento vivido no ano passado, Feijão chegou a ultrapassar Thomaz Bellucci e se tornou o número 1 do Brasil, mas daí em diante colecionou insucessos. Agora, na temporada 2016, luta para reviver seus melhores dias para subir no ranking. Ele é atualmente o número 148 do mundo, bem atrás da 69.ª posição ocupada no ano passado.

Tudo o que sabemos sobre:
tênisRio OpenFeijão

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.