Ecuador Open|Sala de Prensa
Ecuador Open|Sala de Prensa

Feijão também perde e é mais um brasileiro eliminado na estreia em Quito

Thiago Monteiro e Rogério Dutra Silva foram outros brasileiros que deixaram o ATP 250 logo na primeira rodada

Estadao Conteudo

08 Fevereiro 2017 | 09h18

O Brasil sofreu mais uma baixa no Torneio de Quito na madrugada desta quarta-feira. Depois das quedas precoces de Thiago Monteiro e Rogério Dutra Silva, foi a vez de João Souza ser eliminado logo na rodada de abertura do torneio de nível ATP 250. Feijão, como é conhecido, foi derrotado pelo italiano Federico Gaio de virada, pelo placar de 5/7, 6/4 e 7/5.

Com a queda de Feijão, o Brasil tem agora somente um representante na chave principal. Thomaz Bellucci fará sua estreia nesta quarta, logo na segunda rodada, contra o sérvio Janko Tipsarevic. O brasileiro é o atual vice-campeão da competição equatoriana.

Antes da estreia em simples, Bellucci entrou em quadra nesta terça para jogar em duplas. E foi derrotado, jogando ao lado de Monteiro. Eles foram batidos pelo dominicano Victor Estrella Burgos e pelo argentino Renzo Olivo por 2/6, 7/6 (7/5) e 10/5.

Monteiro foi o primeiro brasileiro a estrear, na noite de segunda. Novo número 1 do Brasil, o tenista cearense foi superado pelo local Giovanni Lapentti. Na terça, Rogerinho caiu diante do espanhol Roberto Carballes.

Na sequência, foi a vez de Feijão ser eliminado. Seu algoz, Federico Gaio, que veio do qualifying, enfrentará na segunda rodada o austríaco Gerald Melzer, que despachou o argentino Horacio Zeballos por 6/7 (4/7), 6/3 e 7/6 (7/4).

Em outros resultados da noite desta terça, o ucraniano Alexandr Dolgopolov foi surpreendido pelo norte-americano Rajeev Ram, que levou a melhor sobre o quinto cabeça de chave pelo placar de 3/6, 7/6 (7/4) e 6/3.

Em duelo de argentinos, Nicolas Kicker bateu Guido Andreozzi por 4/6, 6/3 e 6/4. Renzo Olivo, do mesmo país, despachou o local Emílio Gomez por 5/7, 6/2 e 7/6 (7/5). Já o também argentino Agustin Velotti se despediu da chave de simples ao cair diante do australiano Matthew Ebden, por 2/6, 6/4 e 6/3. E o colombiano Alejandro Falla venceu o italiano Alessandro Giannessi por 6/4 e 6/3.

Mais conteúdo sobre:
tênis

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.