Ferreiro e Sá caem nos EUA; Melo e Soares vão à final

Em jogo encerrado na tarde deste sábado, os brasileiros Franco Ferreiro e André Sá foram derrotados pelo alemão Christopher Kas e o austríaco Alexander Peya por 2 sets a 1, com parciais de 7/6 (7/3), 3/6 e 10/8, e acabaram eliminados na semifinal do torneio de duplas do ATP de Delray Beach, nos Estados Unidos.

AE, Agência Estado

26 de fevereiro de 2011 | 16h39

Apesar da derrota, a nova parceria entre Ferreiro e Sá começou a mostrar que em breve poderá colher melhores resultados, já que na semana passada eles foram à final do ATP de Buenos Aires, caindo diante do argentino Leonardo Mayer e do austríaco Oliver Marach na disputa pelo título.

Até a competição argentina, eles ainda não haviam vencido nenhuma partida de torneios da ATP atuando juntos. Por causa da boa campanha em Delray Beach, ele somarão 90 pontos no ranking de duplas e deverão se aproximar do top 20.

ACAPULCO - Marcelo Melo e Bruno Soares jogarão pelo título do torneio de duplas do ATP de Acapulco, no México. Eles asseguraram vaga na final com uma vitória sobre a parceria formada pelo mexicano Santiago Gonzalez e o argentino Maximo Gonzalez por 2 sets a 0, com parciais de 6/4 e 6/2, em jogo encerrado na madrugada deste sábado.

Com o triunfo, eles enfrentarão na decisão os romenos Victor Hanescu e Horia Tecau, que bateram o norte-americano Travis Parrott e o eslovaco Filip Polasek por 2 sets a 1, de virada, com parciais de 3/6, 6/3 e 10/4.

Únicos cabeças de chave que foram às semifinais em Acapulco, Soares e Melo já têm motivos para comemorar mesmo que sejam derrotados na decisão, pois ao menos asseguraram a subida de mais duas posições no ranking mundial de duplas. Eles saltarão do sétimo para o quinto lugar na ATP, posição em que ficarão mesmo que sejam superados na final.

Se Melo e Soares chegaram à final nas duplas, Thomaz Bellucci não conseguiu desbancar o favoritismo do espanhol Nicolas Almagro na semifinal do torneio de simples em Acapulco, perdendo por 2 sets a 0, com parciais de 7/6 (7/4) e 6/4.

Com a vitória sobre o brasileiro, Almagro terá pela frente na decisão o seu compatriota David Ferrer, cabeça de chave número 1, que na semifinal bateu o ucraniano Alexandr Dolgopolov por 2 sets a 1, de virada, com 5/7, 6/1 e 6/1.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.