Ronald Zak/AP
Ronald Zak/AP

Ferrer e Murray ganham e disputam título em Viena

Espanhol se classifica após derrotar Philipp Kohlschreiber por 2 sets a 1; britânico bate o sérvio Viktor Troicki por 6/4 e 6/3

Estadão Conteúdo

18 de outubro de 2014 | 15h29

Principais favoritos ao título do Torneio de Viena, David Ferrer e Andy Murray venceram os jogos que disputaram neste sábado pelas semifinais do ATP 250 austríaco e se enfrentarão na decisão deste domingo. Cabeça de chave número 1 da competição, o espanhol sofreu, mas derrotou o alemão Philipp Kohlschreiber por 2 sets a 1, com parciais de 6/3, 2/6 e 7/6 (7/3). Já o britânico, segundo pré-classificado, teve bem mais facilidade para bater o sérvio Viktor Troicki por 6/4 e 6/3.

Essa será a quarta final de Ferrer nesta temporada, sendo que ele irá buscar o 22º título de sua carreira e o segundo deste ano. Já Murray poderá se tornar o quinto tenista em atividade no circuito profissional a ter 30 ou mais títulos de simples. Os outros são Roger Federer (81), Rafael Nadal (64), Novak Djokovic (46) e Lleyton Hewitt (30).

Neste sábado, Ferrer precisou jogar duas horas e 26 minutos para superar Kohlschreiber, que só foi sucumbir no tie-break do terceiro e decisivo set. Em todo o jogo, o espanhol só conseguiu quebrar o saque do alemão por duas vezes, sendo que o seu rival chegou a converter três break points.

Entretanto, o atual quinto colocado do ranking mundial fez valer a sua maior experiência nos momentos decisivos para conquistar neste sábado a sua nona vitória em 12 confrontos diante de Kohlschreiber.

Já Murray confirmou o seu favoritismo com autoridade neste sábado. Embora tenha tido o saque quebrado por uma vez no primeiro set, converteu quatro de 11 break points e só perdeu o serviço na única chance de quebra que concedeu ao rival em toda a partida, encerrada em uma hora e 22 minutos.

Assim, o escocês acumulou a sua sexta vitória em seis jogos com Troicki, que foi o responsável pela eliminação do brasileiro Thomas Bellucci nas quartas de final. Hoje o 11º tenista do mundo, Murray buscará o seu segundo título no ano, depois de ter se sagrado campeão do Torneio de Shenzhen há três semanas.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.