Ferrer vence fácil e vai às quartas de final na Holanda

O espanhol David Ferrer não teve maiores dificuldades para confirmar o seu favoritismo e garantir vaga nas quartas de final do Torneio de Hertogenbosch, na Holanda. Nesta quarta-feira, o tenista número 6 do mundo venceu o argentino Leonardo Mayer por 2 sets a 0, com parciais de 6/3 e 6/1, e obteve seu segundo triunfo seguido na competição preparatória para Wimbledon, Grand Slam que começa na próxima segunda, em Londres.

AE, Agência Estado

20 de junho de 2012 | 13h05

Antes de avançar às quartas de final, Ferrer enfrentou mais resistência para passar pela sua estreia, na qual aplicou duplo 6/4 sobre o canadense Pierre Ludovic Duclós. Agora, por um lugar na semifinal, o espanhol enfrentará o holandês Igor Sijsling, que nesta quarta derrotou o belga Olivier Rochus por 2 sets a 0, com parciais de 7/5 e 7/6 (7/4).

Cabeça de chave número 1 do torneio holandês, Ferrer tenta embalar para a disputa de Wimbledon depois de ter sido semifinalista em Roland Garros, Grand Slam no qual acabou eliminado pelo compatriota Rafael Nadal.

Já o austríaco Jurgen Melzer não conseguiu justificar a condição de terceiro cabeça de chave em Hertogenbosch ao cair por duplo 6/2 diante do japonês Tatsuma Ito, que nas quartas de final medirá forças com o francês Benoit Paire. O tenista da França, por sua vez, se classificou ao despachar o polonês Lukasz Kubot, pré-classificado como oitavo maior favorito ao título, com parciais de 6/3, 0/6 e 6/4.

Outro tenista que garantiu vaga nas quartas de final de Hertogenbosch nesta quarta foi o belga Xavier Malisse, que na estreia eliminou o sérvio Viktor Troicki, cabeça de chave número 2. Desta vez, ele passou pelo italiano Paolo Lorenzi por 7/6 (7/3) e 6/2 e se credenciou para encarar na próxima fase o ganhador do duelo entre o luxemburguês Gilles Muller e o colombiano Alejandro Falla, também programado para ser encerrado nesta quarta.

Outra partida das quartas de final definida nesta quarta irá reunir o francês Edouard Roger-Vasselin e o alemão Philipp Petzschner. O primeiro deles avançou ao bater o italiano Flavio Cipolla por 2 sets a 1, com 6/2, 3/6 e 6/1, enquanto o jogador da Alemanha contou com a desistência do croata Mate Pavic e nem precisou entrar em quadra para ir à próxima fase.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.