Fish atropela Nadal e mantém boa fase na quadra rápida

Grande sensação da temporada de quadra rápida até aqui, o norte-americano Mardy Fish fez mais uma vítima nesta sexta-feira. Pelas quartas de final do Masters 1000 de Cincinnati, o atual número 7 do mundo não tomou conhecimento de Rafael Nadal e venceu o vice-líder do ranking mundial por 2 sets a 0, com parciais de 6/3 e 6/4, em apenas 1h39 de jogo.

AE, Agência Estado

19 de agosto de 2011 | 16h44

Esta foi a primeira vitória de Fish sobre Nadal em sete duelos. Antes, o espanhol só colecionava triunfos contra o norte-americano de 29 anos. As três últimas delas haviam sido em Grand Slam: Wimbledon (2007), US Open (2008) e nas quartas de final do torneio de Wimbledon deste ano, quando venceu por 3 sets a 1.

Essa foi a 14.ª vitória de Fish em 16 jogos na temporada de quadra rápida. O norte-americano chegou à final dos três torneios no piso duro que ele disputou até aqui, ficando com o título em Atlanta e o vice em Los Angeles e no Masters de Montreal. Não à toa lidera com folga o US Open Series, mini-circuito preparatório para o US Open.

Já Nadal volta a ser eliminado precocemente, mostrando que não deve chegar em boa fase ao último Grand Slam do ano, que começa dia 29, em Nova York. Depois de perder a final de Wimbledon para Novak Djokovic e deixar a liderança do ranking mundial, o espanhol se afastou do Circuito e só retornou para o Masters de Montreal, no qual foi eliminado ao perder na estreia para Ivan Dodig. Agora, em Cincinnati, cai logo na terceira partida.

Cansado após 3h48 de jogo para superar Fernando Verdasco um dia antes, Nadal permitiu que Fish mandasse na partida e fosse mais agressivo, emplacando 12 aces na partida. Foram ainda 32 bolas vencedoras do norte-americano, contra apenas 10 de Nadal, que teve seu saque quebrado logo na primeira vez que serviu. No segundo set, a história se repetiu e Fish só teve que manter o saque para fechar o jogo.

O adversário de Fish na semifinal será o britânico Andy Murray, que confirmou o favoritismo e venceu, mais cedo, o francês Gilles Simon por 2 sets a 0, com duplo 6/3.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.