Guga está fora do Torneio de Auckland

Gustavo Kuerten não conseguiu repetir as boas atuações dos três primeiros jogos em Auckland e caiu nas semifinais do Heineken Open, ao perder para o eslovaco Dominik Hrbaty por 6/3 e 6/2, em Auckland, na Nova Zelândia. Guga teve uma série imensa de chances de quebrar o serviço do adversário, mas jamais conseguiu. Resultado: foi eliminado do torneio, numa partida em que lamentou muito as oportunidades desperdiçadas. Hrbaty vai decidir o título diante da revelação espanhola, de apenas 17 anos, Rafael Nadal, que na outra semifinal ganhou de Jiri Novak por 2 sets a 0. Apesar da derrota nas semifinais, Guga mostrou-se satisfeito com a campanha em Auckland. As três primeiras vitórias do ano - primeiro sobre Alex Corretja, por 6/7 (9/7), 7/6 (7/3) e 7/5; depois Alberto Martin, 6/2 e 6/4, e ainda diante de Vince Spadea, 6/2 e 7/6 (7/4) - tiveram uma especial importância. Afinal, esta semana, Guga e Larri Passos comemoram 15 anos de parceria, talvez na mais longa união entre jogador e técnico da história do tênis. Guga aproveitou para elogiar seu treinador, dizendo que os resultados alcançados já na primeira semana do ano são frutos do trabalho de Passos, especialmente nos últimos meses. "Meu jogo está melhorando a cada dia", afirmou Kuerten. "Sinto que posso andar bem este ano." Larri, por sua vez, não escondia seu entusiasmo pela decisão de voltar a jogar em Auckland. "Acho que fizemos a escolha certa. O Guga já melhorou 40% em relação ao primeiro jogo." Na Austrália - O Brasil teve três vitórias e contra duas derrotas, no qualifying do Aberto da Austrália. Franco Ferreiro ganhou de Giorgio Galimberti por 7/6 (7/3) e 6/3, Marcos Daniel de Stanislas Wawrinka por 6/4 e 6/4, e Ricardo Mello de Domeric Marafiote por 6/2 e 6/4. André Sá caiu diante de Jeff Morrison por 6/2 e 6/4, enquanto Nanda Alves perdeu para Anna-Lenna Groenfeld por 6/7 (7/2), 6/4 e 6/3.

Agencia Estado,

15 de janeiro de 2004 | 23h53

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.