Guga joga bem, mas cai na estréia do Masters de Madrid

Ao lado do espanhol Carlos Moyá, Gustavo Kuerten dá trabalho aos argentinos David Nalbandian e Cañas

15 de outubro de 2007 | 16h58

A volta de Guga ao circuito da ATP terminou na tarde desta segunda-feira, já que a dupla formada pelo brasileiro e pelo tenista espanhol, Carlos Moyá, perdeu por 2 sets a 1, com parciais de 6/3, 4/6 e 12/10, para os argentinos David Nalbandian e Guillermo Cañas, na estréia do Masters de Madrid.   A partida, acompanhada por um bom público, foi muito disputada, com lances rápidos. Os argentinos, no entanto, quebraram um game decisivo para fechar o primeiro set em 6/3.   A resposta de Guga e Moya veio no segundo set. Com um ótimo primeiro serviço, a dupla  devolveu a quebra do primeiro set para fechar em 6/4. A emoção, no entanto, estava por vir no terceiro set. Aproveitando o saque, as duplas levaram a partida ao extremo; Guga e Moyá abriram 9 a 8, mas cederam a virada para 12 a 10.   "Acho que Moyá e eu merecíamos ter vencido esse jogo", disse Guga."Jogamos muito melhor no segundo set e no match tie break, mas acabamos deixar escapar as oportunidades. Agora vou continuar em Madri e treinar por aqui."   Guga conquistou sua última vitória no circuito nas quartas-de-final do Torneio de Las Vegas, nos Estados Unidos, quando, ao lado do paraguaio Ramón Delgado, venceu os checos Frantisek Cermak e Jaroslav Levinsky.   De lá pra cá, Gustavo Kuerten soma seis derrotas, sendo elas na semifinal de Las Vegas, a primeira rodada em Sunrise (EUA), Masters Series de Miami (EUA) e Aberto dos Estados Unidos, além dos na Copa Davis, contra Áustria e Canadá. (com Chiquinho Leite Moreira, do Estadão)

Tudo o que sabemos sobre:
Masters de MadridATP

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.