Guga vence e passa às quartas-de-final

Com uma atuação impecável, Gustavo Kuerten derrotou o checo Jiri Novak por 2 sets a 0, parciais de 6/2 e 6/4 e garantiu sua classificação para as quartas-de-final da Copa AT&T. Agora, Guga já se sente em melhor ritmo, em condições de lutar pelo título e, pela primeira vez falou na possibilidade de reconquistar a liderança do ranking mundial em Buenos Aires. Se chegar à final do torneio, no domingo - ganhando ou perdendo - rouba o lugar do russo Marat Safin da posição de número 1 do mundo."Voltar a liderança do ranking não é o principal para mim neste momento", disse Guga. "O importante é retomar o ritmo de jogo, voltar a jogar bem, mas, é claro, que só o fato de saber que posso voltar a ser número 1 sempre motiva ainda mais." Guga é o atual vice-líder no ranking mundial, a chamada lista de entradas, com apenas 40 pontos atrás do número 1, Marat Safin. O tenista russo perdeu, esta semana, na primeira rodada do torneio de Roterdã, para Max Mirnyi (Bielo-rússia) e, agora, se Guga chegar a final de Buenos Aires acumulará 140 pontos ( e desconta 75 dos 18 melhores) e faz o suficiente para ocupar o lugar que havia conquistado em Lisboa, no fim do ano passado, e perdeu depois da disputa do Aberto da Austrália, em janeiro.Contra argentino - Até agora, Guga é a grande estrela da Copa AT&T. Novamente, nesta quinta-feira, a quadra central do Buenos Aires Lawn Tennis esteve lotada e recebeu até mesmo mais público do que a partida do novo ídolo argentino Guillermo Coria. Mas, pela primeira vez no torneio, Guga vai enfrentar um tenista argentino, como Guillermo Cañas, número 195 da ATP e que entrou na competição como wild card, convidado dos organizadores. O brasileiro já enfrentou por duas vezes este adversário e venceu em Palermo e em Roland Garros."Estou gostando muito desta atmosfera aqui em Buenos Aires, mas sei que diante de um tenista argentino, a situação pode mudar bastante, com a torcida incentivando Cañas."Tango - Não resta dúvida de que Guga está mesmo bem ambientado em Buenos Aires. Como um dos maiores astros da competição, foi convidado para dançar tango, com uma dançarina que se apresentou no jantar oficial do torneio. Guga não decepcionou, e nem mesmo foi brilhante. Depois, com guitarra e cantando Bob Marley foi melhor.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.