Guga vibra com vitória em Paris

A reabilitação não poderia ter acontecido em melhor lugar do que Paris, para Gustavo Kuerten. O tenista brasileiro, líder do ranking mundial, estava eufórico após sua vitória sobre o checo Bohdan Ulihrach e o fim da série de derrotas. Disse que a torcida no Paris Bercy foi uma motivação a mais para lutar em quadra e acreditar na sua recuperação. "Vibrei bastante nas jogadas e a torcida esteve especial", disse Guga. "Acho que mostrei uma boa atitude na quadra e isto foi fundamental para voltar a mostrar o meu tênis", disse Guga. "Mostrei um tênis agressivo e eficiente". Guga não joga na chave de simples nesta quarta-feira, mas terá mais uma chance de mostrar o seu tênis em partida da segunda rodada da chave de duplas. Ao lado do francês Julien Bouttier enfrentará um time especialista na modalidade, formado por Wayne Black e Kevin Uliyett, ambos do Zimbábue. O jogo será na quadra 2, e deverá começar por volta das 14h30 horário de Brasília. Guga só volta a jogar na chave individual na quinta feira, contra do vencedor da partida entre o holandês Sjeng Schalken e o norte-americano Andy Roddick.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.