Gustavo Kuerten celebra aniversário de feito histórico na Marquês de Sapucaí

Pensando no futuro, Gustavo Kuerten celebrou nesta quinta-feira o aniversário de 15 anos de uma de suas maiores conquistas na carreira: a chegada ao topo do ranking da ATP. O ex-tenista catarinense comemorou o feito ao lado de 200 crianças de projetos sociais e da Escolinha Guga na Marquês de Sapucaí, no Rio de Janeiro.

Estadão Conteúdo

03 de dezembro de 2015 | 16h09

"Precisamos nos concentrar em investir na base, aumentando o número de jogadores e na capacitação dos professores de tênis", disse o ex-atleta, ao justificar a opção por celebrar o feito ao lado das crianças.

No evento, Guga bateu bola com o público infantil em miniquadras espalhadas pelo sambódromo e comemorou a histórica chegada ao topo do ranking com um bolo customizado. "Para mim, o sentimento que ficou da vitória em Lisboa foi o da gratidão. E a consequência mais gratificante é poder estar aqui, nesse local, contagiando essa garotada, quinze anos depois, num verdadeiro banho de alegria", afirmou.

Guga ascendeu ao topo do ranking ao se sagrar campeão da Masters Cup de Lisboa (atualmente chamada de ATP Finals), no dia 3 de dezembro de 2000. No tradicional torneio, que encerra a temporada reunindo os oito melhores tenistas do ano, o brasileiro brilhou na quadra dura, que não era sua especialidade, para vencer tenistas do calibre de Pete Sampras e Andre Agassi.

Com a pontuação somada naquela competição, uma das mais importantes do circuito profissional, Guga garantiu a posição de número 1 do mundo, posto que ocupou por 43 semanas nos meses seguintes. A data especial foi reconhecida pela Confederação Brasileira de Tênis, que elegeu o dia 3 de dezembro como o Dia Nacional do Tênis.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.