Lukas Coch / EFE
Lukas Coch / EFE

Halep e Kerber avançam às quartas de final do Aberto da Austrália

Kerber irá jogar Madsion Keys na próxima rodada; Halep pode encarar Pliskova

Estadão Conteúdo

22 Janeiro 2018 | 12h22

A romena Simona Halep parece ter deixado as recentes participações decepcionantes no Aberto da Austrália para trás. Nesta segunda-feira, com uma atuação consistente, a número 1 do mundo avançou às quartas de final em Melbourne ao derrotar a japonesa Naomi Osaka, a 72ª colocada no ranking da WTA, por 2 sets a 0, com parciais de 6/3 e 6/2, em 1 hora e 12 minutos.

+ Djokovic é eliminado por coreano no Aberto da Austrália

+ Marcelo Melo vence de virada e avança às quartas de final do Aberto da Austrália

Ainda em busca do seu primeiro título de Grand Slam da carreira, Halep havia parado na primeira rodada do Aberto da Austrália em 2016 e em 2017. E agora já igualou as suas melhores campanhas no evento, em 2014 e 2015, quando parou nas quartas de final. Agora, para superar os desempenhos anteriores, precisará superar uma tenista da República Checa: Karolina Pliskova ou Barbora Strycova.

O tranquilo triunfo sobre Osaka foi conquistado após Halep sofrer na rodadas anterior em Melbourne, quando precisou de 3 horas e 45 minuros para superar a norte-americana Lauren Davis, que chegou a ter três match points.

Em grande fase na temporada, a alemã Angelique Kerber conquistou a 13ª vitória seguida em jogos de simples em 2018, o que inclui a sua participação na Copa Hopman e a conquista do título do Torneio de Sydney, para avançar às quartas de final do Aberto da Austrália, evento em que foi campeã em 2016.

De virada, Kerber, a número 16 do mundo, superou a taiwanesa Su-Wei Hsieh, a 88ª colocada no ranking, por 2 sets a 1, com parciais de 4/6, 7/5 e 6/2, em 2 horas e 11 minutos. Ainda que tenha sido eliminada, a asiática, de 32 anos, deixa Melbourne com a sua melhor campanha em um dos eventos do Grand Slam, o que incluiu vitórias sobre a espanhola Garbiñe Muguruza e a polonesa Agnieszka Radwanska.

Já Kerber vai enfrentar nas quarta de final a norte-americana Madison Keys. A número 20 do mundo e finalista do US Open avançou nesta segunda-feira ao derrotar a francesa Caroline Garcia, a oitava colocada no ranking, por 2 sets a 0, com parciais de 6/3 e 6/2, em 1 hora e 10 minutos.

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.