Scott Barbour/EFE
Scott Barbour/EFE

Halep e Pliskova vencem e Sharapova é eliminada em estreia na Austrália

Com a queda precoce para Donna Vekic, russa ex-líder do ranking deve cair do 145º posto do ranking

Redação, Estadão Conteúdo

21 de janeiro de 2020 | 10h50

Atual campeã de Wimbledon, a romena Simona Halep levou um susto em sua estreia no Aberto da Austrália, nesta terça-feira. A ex-número 1 do mundo sofreu uma lesão no punho direito ainda no set inicial contra a norte-americana Jennifer Brady, mas conseguiu seguir em quadra e venceu o duelo por 2 sets a 0, com parciais de 7/6 (7/5) e 6/1, em 1h36min.

A terceira colocada do ranking levou o susto ao fim do primeiro set, ao escorregar em quadra e cair sobre o braço direito. Ela recebeu atendimento médico em quadra, mas caiu de rendimento ao voltar ao jogo. Após seguidos erros, perdeu o saque. No entanto, não desistiu, devolveu a quebra e ainda levou a melhor no tie-break.

Mesmo com dores, a romena terminou o jogo com 20 bolas vencedoras, contra 24 da rival. E apenas 23 erros não forçados, contra 35 da americana. A favorita obteve cinco quebras de saque na partida e perdeu o serviço por duas vezes. Na segunda rodada, Halep vai enfrentar a britânica Harriet Dart, atual 173º do mundo e que veio do qualifying.

A romena não foi a única favorita a vencer na estreia. A checa Karolina Pliskova, atual número dois do mundo, bateu a francesa Kristina Mladenovic por 6/1 e 7/5. Na sequência, ela enfrentará a alemã Laura Siegemund, que avançou ao superar a norte-americana CoCo Vandeweghe por 6/1 e 6/4.

Número cinco do mundo, a ucraniana Elina Svitolina avançou à segunda rodada ao superar a britânica Katie Boulter por 6/4 e 7/5. Ela enfrentará agora a norte-americana Lauren Davis.

A suíça Belinda Bencic, 7ª do mundo, passou pela eslovaca Anna Karolina Schmiedlova por 6/3 e 7/5. Sua próxima adversária será a letã Jelena Ostapenko, campeã de Roland Garros de 2017. A tenista da Letônia bateu a russa Liudmila Samsonova por 6/1 e 6/4.

Já a espanhola Garbiñe Muguruza, ex-número 1 do mundo, fez uma estreia improvável nesta terça. Levou um "pneu" no set inicial da americana Shelby Rogers, que saiu do qualifying, mas depois buscou a virada: 0/6, 6/1 e 6/0.

A decepção do dia coube à russa Maria Sharapova. Ela foi eliminada logo na estreia, como já acontecera em Wimbledon e no US Open do ano passado, ao ser batida pela croata Donna Vekic por 6/3 e 6/4. Com a queda precoce, a ex-líder do ranking deve cair do 145º posto do ranking para o Top 300.

Ainda nesta terça-feira, avançaram na chave feminina a alemã Angelique Kerber, a local Ajla Tomljanovic, a eslovena Polona Hercog, as americanas Madison Keys, Danielle Collins e Alison Riske, a holandesa Kiki Bertens, a holandesa Arantxa Rus, a russa Svetlana Kuznetsova, a grega Maria Sakkari, a italiana Camila Giorgi e a francesa Alize Cornet.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.