Halep é surpreendida e cai para chinesa na estreia do Aberto da Austrália

Se a queda de Rafael Nadal foi a grande zebra desta primeira rodada do Aberto da Austrália na chave masculina, entre as mulheres foi Simona Halep quem decepcionou. A número 2 do ranking da WTA esteve irreconhecível nesta terça-feira e foi eliminada logo em sua estreia pela desconhecida chinesa Shuai Zhang, 133.ª do mundo, por 2 sets a 0, com parciais de 6/4 e 6/3.

Estadão Conteúdo

19 de janeiro de 2016 | 09h33

Zhang não só eliminou a romena, como encontrou pouca dificuldade para realizar tal feito. Ela precisou de somente 78 minutos para despachar a segunda principal favorita da competição, confirmando todos os seus serviços e aproveitando dois dos sete break points que teve a seu favor. Com isso, Halep confirmou seu retrospecto ruim em Melbourne, já que foi eliminada na estreia pela terceira vez, em seis edições disputadas.

Diante da superioridade da adversária, a chinesa decidiu arriscar e a tática deu certo. Se cometeu 24 erros não forçados, contra 17 de Halep, Zhang alcançou 31 bolas vencedoras, marca bem superior à da romena, que anotou somente 11.

Agora, Zhang se prepara para encarar a francesa Alizé Cornet. A número 33 do ranking estreou com vitória nesta terça-feira, ao passar sem qualquer dificuldade pela sérvia Bojana Jovanovski por 2 sets a 0, com direito a "pneu": 6/1 e 6/0, em somente 48 minutos de partida.

Outra cabeça de chave que caiu logo na estreia foi a veterana Venus Williams, de 35 anos. Vice-campeã em 2003, a norte-americana, oitava favorita do torneio, foi surpreendida pela alemã Johanna Konta, número 47 do mundo, que logo em sua primeira participação em Melbourne alcançou a segunda rodada ao fazer 2 sets a 0, com parciais de 6/4 e 6/2.

Esta foi apenas a terceira vez que Venus Williams caiu logo na estreia na Austrália, em 16 edições disputadas. Melhor para Konta, que duelará agora com outra chinesa, Saisai Zheng, número 83 do mundo, que eliminou a alemã Carina Witthoeft em dois sets: 6/1 e 6/2.

Mas o dia não foi só de surpresas desagradáveis para as principais favoritas. A espanhola Garbiñe Muguruza, terceira cabeça de chave, por exemplo, avançou à segunda rodada ao passar sem problemas pela estoniana Anett Kontaveit por 2 sets a 0, com parciais de 6/0 e 6/4. Agora, ela terá pela frente a belga Kirsten Flipkens, que eliminou a croata Mirjana Lucic-Baroni.

Outras duas tenistas que estão entre as dez favoritas, Angelique Kerber e Karolina Pliskova, cabeças de chave número 7 e 9, respectivamente, também venceram. A alemã Kerber suou, mas passou pela japonesa Misaki Doi por 2 sets a 1, de virada, com parciais de 6/7 (4/7), 7/6 (8/6) e 6/3. Já a checa Pliskova teve mais facilidade para bater a australiana Kimberly Birrell em sets diretos, com duplo 6/4.

As outras cabeças de chave que avançaram nesta terça-feira foram a suíça Timea Bacsinszky (11.ª), a norte-americana Madison Keys (15.ª), a ucraniana Elina Svitolina (18.ª), as sérvias Jelena Jankovic (19.ª) e Ana Ivanovic (20.ª) e a alemã Sabine Lisicki (30.ª). Já a romena Irina Begu (29.ª), a ucraniana Lesia Tsurenko (31.ª) e a francesa Caroline Garcia (32.ª) foram eliminadas.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.