Hewitt é dúvida para Wimbledon

O número 1 do mundo no tênis, o australiano Lleyton Hewitt, abandonou nesta sexta-feira as quartas-de-final da competição de s?Hertogenbosch, na Holanda, disputado em piso de grama. Ele enfrentaria o francês Arnaud Clement, mas saiu com fortes dores no estômago. A participação de Hewitt em Wimbledon, que começa segunda-feira, tornou-se uma incógnita. Sua estréia em Wimbledon está marcada contra o sueco Jonas Bjorkman. Outros resultados na Holanda: Guillermo Cañas, da Argentina, ganhou do francês Cédric Pioline por 7/6 (8-6) e 6/3; Sjeng Schalken, da Holanda, derrotou Roger Federer, da Suíça, por 3/6, 7/5 e 6/3; Tommy Robredo, da Espanha, eliminou Yves Allegro, da Suíça, por 6/4 e 6/2. Nesta sexta-feira foi confirmada a desistência de Karol Kucera do torneio inglês. O tenista eslovaco de 28 anos se junta assim ao grupo de Gustavo Kuerten e do croata Goran Ivanisevic, do francês Sebastien Grosjean, do alemão Tommy Haas e dos espanhóis Carlos Moyá e Albert Costa, que também desistiram de jogar na grama. Os adversários dos outros quatro brasileiros já estão todos definidos. Falta saber apenas o dia dos jogos. Fernando Meligeni, segundo melhor tenista do País, 59º do ranking, enfrentará o checo Jiri Novak, 12º. O brasileiro enfrentou Novak três vezes e nunca venceu. André Sá, 88º, será o adversário do francês Anthony Dupuis, 91º. Flavio Saretta, 72º, enfrentará o sueco Thomas Johansson, 10º. O adversário de Alexandre Simoni, 122º, disputou o qualifying: será o eslovaco Karol Beck, de 20 anos, 216º do mundo. Resultados em Nottingham, na Inglaterra, na grama: Wayne Arthurs, da Austrália, venceu Michel Kratochvil, da Suíça, por 7/6 (7-5) e 6/2; Jonas Bjorkman, da Suécia, derrotou Greg Rusedski, da Inglaterra, por 6/3 e 6/4. A final, neste sábado, será entre Bjorkman e Arthurs.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.